Despedindo-me de Mar del Plata (bela cidade!)... Estou em Bahia Blanca, onde parei para pernoitar. Estava bem cansado, pois como na maior parte da Argentina, as estradas são em planícies com retas quase intermináveis e o visual repetitivo. Andar a menos de 120 km é muito difícil, pois mesmo tendo uma boa noite e dormindo bem, a ausência de curvas dá um sono brabo...

Como motociclista aventureiro, acompanho a previsão do tempo direto. Ontem, a previsão para hoje indicava chuva até as 10h. Choveu a noite toda e amanheceu chovendo, conforme previsto. Próximo às dez a chuva parou. Incrível, o índice de acerto/previsibilidade destes caras está cada vez melhor.

Viajei o tempo todo com vento. Em todos os relatos que li e também o Miguel e outros motociclistas me alertaram que de Bahia Blanca para baixo irei encontrar muito vento, cuja intensidade vai aumentando na medida que vou mais para o sul. É preciso muito cuidado e atenção. A Gilda anda inclinada para compensar. A velocidade máxima é 100 km/h e o consumo de combustível aumentou significativamente. Vou comprar outro galão de 5 litros para ter 10 litros de reserva.

Um dia com término hiper emocionante: eu vi 🐳🐳🐳!!! Estou na fantástica Península Valdez. Mas antes de chegar aqui, passei em Puerto Madryn para cambiar $. Como tinha estacionado a Gilda na orla, ao voltar dei uma caminhada e a fome veio ( eram ~14h). Passei em um restaurante top na orla e olhei os preços do cardápio.

Ainda estou em Puerto Pirámides, a única cidade/vilarejo da Península Valdés, com 565 habitantes, segundo censo de 2010. Hoje fiz um tour de carro (custo nas agências de viagem de $ 3000, mas paguei $ 2400 / R$ 160 por ter sido indicado pela Tina).

A rigor, pretendia ter ficado em Comodoro Rivadavia, 80 km atrás, mas quando lá cheguei, um grupo com quatro motociclistas me abordou e convidaram para conversar em um posto de gasolina. Depois das apresentações e perguntas de praxe, me deram um adesivo do Moteros del Salamanca e informaram que há previsão de vento forte (?!) na região para este domingo.

Estou em Rio Gallegos (conhecida como "cidade dos ventos" devido as frequentes massas polares oriundas da Antártica ou Antártida - como esclarecimento, no polo norte temos o Ártico, - que passam pela cidade...irk, já imaginava!!!)

Pagina 2 de 3
Ver mais artigos

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia

Mais viagens pela América do Sul

Tour América do Sul

Dois motociclistas do moto grupo Trairões do Asfalto encontram-se, neste momento, realizando uma...

Depois de superar câncer, motociclista inicia viagem por nove países com moto de 125cc

Após superar um câncer, o radialista Michel Octavio, de 26 anos, iniciou uma viagem com sua Yamaha XTZ...

Viagem de moto para Argentina, Chile, Peru e Bolívia

Os arquitetos Thiago e Michelle Damo são loucos por viagens de moto e em setembro passado...