Viagem de moto pela Europa

Hoje foi mais um dia muito bom. Demos uma volta por Lausanne para conhecer a cidade e depois fomos para Bern, a capital da Suíça. Depois entramos na Alemanha e viemos até Freiburg Im Breisgau, onde estamos hospedados.

Acordamos e fomos tomar o café da manhã no hotel. Ontem, quando fizemos o check-in, nos informaram que havia duas opções de café, uma de Frs 10,00 e outra de Frs 20,00. Optamos pela mais barata. Hoje, quando fomos tomar o café descobrimos que a opção mais barata era pouco mais que um pão e uma xícara de café. E tinha uma portuguesa maluca que chamava a atenção dos hóspedes que pegassem algum item que não constava do cardápio que havia pago.

Depois do "lanche" fomos dar uma volta para conhecer a cidade de Lausanne. Uma bela cidade, que fica às margens do lago Genéve, o mesmo que banha Genéve. Construções centenárias, igrejas e principalmente o lago são suas principais atrações.

Saímos da cidade pouco antes das 12:00 horas, utilizando a auto-estrada. Passamos por lugares fantásticos, mas impossíveis de parar. Alguns trechos da estrada são cercados por grandes placas de vidro, mas não é permitido parar no estacionamento. Somente um momento arriscamos e acabamos parando para umas fotos com o Grande Lago ao fundo.

Pegamos estrada e próximo a uma cidade chamada Sissach, enquanto passávamos por um dos muitos túneis do caminho, a moto do Vanildo começou a falhar. E atrás dele vinha um enorme caminhão que se aproximou ameaçadoramente. Ele demorou alguns eternos segundos para lembrar que poderia ser a gasolina chegando à reserva. Virada a chave a moto pegou novamente. Foram segundos de tensão. Imagina a moto dar defeito dentre de um túnel de alguns quilômetros de extensão?

Em seguida paramos em Berna, a capital administrativa da Suíça. Muito agradável a cidade. Parece muito mais tranquila que Genéve. Abaixo, imagens gravadas em alguns pontos da cidade.

Depois passamos também por Basel, outra cidade Suíça, onde tiramos algumas fotos muito boas a partir da margem do rio.

Finalmente chegamos a Freiburg, uma interessante cidade, onde nos hospedamos em um hotel muito bom e barato, que reservamos através da internet (site www.booking.com) quando estávamos em Lausanne.

Aproveitei para fazer a cerimônia de troca da bandeira do país visitado. Em cada país que entramos eu coloco a respectiva bandeira presa na bagagem. De um lado a bandeira do país visitado e do outro a do Brasil.

Jantamos uma comida típica, uma salada de salsicha ralada, carne picada, batata e pão, e claro, num restaurante próximo ao hotel onde estávamos. Nos chamou a atenção uma bandeira do Brasil hasteada em frente ao restaurante, junto com uma bandeira alemã. Descobrimos que a esposa do dono era brasileira, de Santa Catarina.

Números do dia

  • Distância percorrida no dia - 290 km
  • Distância percorrida até o dia - 645 km

Despesas do dia

  • Café da manhã em lausanne - Frs 10,00
  • Gasolina - Frs 21,59 - 13,75 l - 191 km - 13,89 km/l - 1,57 Frs /l
  • Jantar - 12,00
  • Hospedagem - 22,50

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

Mais viagens pela Europa

Eurotrip em duas rodas

Viajar de moto pela Europa foi uma experiência pra lá de inesquecível. As ótimas condições das...

HOG Rally Cascais

Após receber a edição de fevereiro da revista HOG com informações sobre o 21.º EUROPEAN HOG RALLY, decidi...

Pela costa do Mediterrâneo

Posso assegurar que, durante os oito dias em quem viajei com dois amigos de moto por mais de 2 mil...