viagem de moto por Portugal, Espanha, França e Andorra

Em nossas viagens de moto, sempre temos algumas estorinhas dos pilotos para contar. O grupo de viagem é bem heterogêneo, com pilotos que possuem big-trails, motos Custom e alguns, motos esportivas, uns com mais e outros com menos experiência de pilotagem.

Sempre temos uns que são investidores e gostam de “comprar um terreninho” no exterior. Durante a viagem vamos contabilizando os tombos e no final da viagem fazemos a entrega dos respectivos “Certificados de Propriedade”. O nosso campeão habitual, tem a característica de ser baixinho e gostar de big-trails, fica com os pezinhos pendurados e dependendo da altura no terreno onde para, não consegue apoiar o pé e segurar a moto, daí... Na saída do estacionamento em Burgos, nosso campeão já faturou seu primeiro tombo. Vejam um dos tombos no vídeo abaixo.

Partimos de Burgos em direção a Baiona para iniciamos o trecho em direção aos Pirineus. Seguimos até o Ayuntamiento De Salinas de Oro (Jaitz em basco), um município da Comunidade Foral de Navarra, local de extração de sal e com estradas por montanhas e com curvas de todos os tipos, com uma pilotagem deliciosa. Paramos para o nosso piquenique.

Passamos Pamplona e ali os Pirineus se descortinavam. Entramos na França em direção Saint Jean Pied de Port. É uma pequena cidade medieval no sudoeste da França, aos pés dos Pirineus, cercada de montanhas e com o Rio Nive, é uma das cidades bascas mais bonitas. Tem 2,73 km2 e 1.500 habitantes. Batizada Donibane Garazi em basco, Saint-Jean-Pied-de-Port foi fundada no fim do século XII para proteger a passagem do rio e o acesso às montanhas de Roncevaux de Bentarte. É onde se inicia o percurso francês do Caminho de Santiago de Compostela.

Viagem de Moto Portugal Espanha Franca

À tardinha, retomamos a estrada em direção à Baiona. Baiona ou Bayonne não é um destino muito conhecido pela maioria dos brasileiros que viajam para a França. Fica próximo à fronteira com a Espanha e, junto com mais outras pequenas cidades da região, contam com cerca de 200 mil habitantes.

Ficamos hospedados bem perto do aeroporto. Ali estávamos próximos ao Centro e ao mesmo tempo de Biarritz. Fizemos um tour pelo seu centro e visitamos, entre outros, a Catedral de Sainte-Marie de Bayonne. É uma catedral católica e o local foi anteriormente ocupado por uma catedral românica que foi destruída por dois incêndios, em 1258 e 1310. A construção da catedral atual começou no século XIII e foi concluída no início do século XVII, com exceção das duas torres que não foram concluídas até o século XIX. A catedral está localizada no Caminho de Peregrinação a Santiago de Compostela, por isso foi declarada um Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1998.

Baiona é famosa pelo presunto (Jamon Ibérico), que tem produção artesanal na região. Entramos em loja especializada, onde a variedade era impressionante. O atendente me fez provar uma variedade de petiscos, cada um melhor que o outro e inclusive o Pata Negra, estes com preços de 159,90 a 189,90 Euros por quilo. Levei um pouco, mas com preço mais em conta para saborear depois. O presunto Bayonne é uma perna de porco analisada (ou seja, cujas partes não utilizadas foram removidas), salgada manualmente com sal seco do sal da bacia Adour e seca nesta área por mais de sete meses. O músculo tem uma cor rosa-vermelha homogênea, a gordura é branca, pura, firme e não oleosa. O presunto ibérico ou presunto de Pata negra, é um tipo de presunto curado produzido principalmente em Espanha e Portugal, baseado no porco preto ibérico que também se designa como porco de pata negra ou porco de raça alentejana.

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

Mais viagens pela Europa

Rolé pela Itália

O motociclista carioca Filipe C. fez entre os dias 19 de abril e 4 de maio passado uma viagem de...

Viagem nos Alpes 2019

Na primeira viagem de moto que fizemos pelos Alpes, em 2013, nos concentramos na região mais...

Festa de 110 anos da Harley-Davidson em Roma

Em dezembro de 2012, resolvemos programar nossa viagem pela Itália. Evidentemente, resolvemos...