Mapa dia 31

Saímos de Choluteca com a ideia de chegar ao norte de Honduras (Puerto Cortés) mas a moto do Ruy começou a acender uma luz no painel.

No caminho, paramos para desayuno numa lanchonete bem limpinha e organizada. O dono tinha vivido nos EUA, juntado dinheiro e cultura de organização e limpeza e montou o comercio dele (fotos).

HondurasHonduras

Preocupados e abastecendo em Tegucigalpa, encontramos no posto um casal ela (Vera) brasileira ele (Roberto) hondurenho. Perguntamos onde era a Harley e gentilmente nos guiaram até a oficina, ficaram conosco o tempo todo e ainda nos convidaram para almoçar lá perto, num restaurante argentino ótimo. O mecânico, bom profissional e responsável, fez os acertos necessários e o casal ainda nos deixou no hotel que conheciam.

HondurasHondurasHonduras

Convidados para jantar na casa deles, chamaram mais 2 casais, também hodurenhos casados com brasileiras (Luis e Sandra e David e Telma) super boa gente e simpáticos.

Na hora da sobremesa, fui surpreendido por gesto dos mais tocantes da minha vida. Era meu aniversario no dia seguinte e a Vera comprou um bolo com vela e tudo e cantaram parabéns pra mim... Foi demais!... São desses momentos que a vida nos proporciona e são impagáveis... Não tem preço... Emocionado, só consegui agradecer a eles e a quem me protege lá em cima.