"Aí tio, pode passar!"

Aí tio? Tio? Pior que isso só existe o tiozinho.

Não lembro de o meu material genético ter feito combinações com o respectivo material genético de alguma irmã dos pais deste moleque, de forma a gerar o seu ácido desoxirribose nucleico. Ou seja, o seu vulgo DNA.

Da vontade de inquiri-lo. "Tio? Mostra o seu DNA aí mostra! Mostra agora!".

Creio que devemos instituir uma nova forma de identificação obrigatória pra dirimir estas acusações descabidas provindas destes impertinentes seres vivos, desde a infância até a metade da sua fase adulta.

Um "RG" do sequenciamento de DNA de cada um destes indivíduos, que se chamaria RDNA e que nada mais será a fotografia do eletroferograma parcial da sequencia do seu DNA. Em suma, o "RG" do seu DNA.

Daí sim!

Falou "E aí tio?" de um lado, vai receber "Mostra aí ôoo pentelho o seu RDNA!" do outro.
"Acabou este lance aí de tio, veja aí ôoo pentelho, tu não és meu sobrinho!"

Será a moralização nas relações entre os de meia-idade até os de terceira idade com o restante da sociedade. É nossa redenção.

Sem falar que de caçoados poderemos passar a caçoadores.

"Ô moleque! Que RDNA fajutinho hem? Tirou no SUS?"

"Está mal aí hem? Está parecendo o RDNA de um Neandertal!"

"Nossa moleque! Corre atrás, se não virar pagodeiro, funkeiro ou jogador de futebol se dará muito mal" (calma, isso é uma piada).

Quero ver estes carinhas botarem banca agora!

Bom, mas tem um grande risco, pois como este é o país da pirataria, vai ser um tal de falsificar o RDNA.

Imaginem só, o Tóninho da Dona Jula com o eletroferograma do Einstein na sua RDNA.

Mas está bom também, pelo menos sobrinho meu não é e está longe de conseguir fabricar uma bomba atômica!

Mas tem mais problemas pra eles, já que estes falsificadores "vira e mexe" vendem gato por lebre, alguns vão encomendar o eletroferograma do Bill Gates na sua RDNA e receber uma com o do Hugo Chaves.

Pois é, mas RDNA é uma hipótese pouco provável de acontecer, vamos ter que aguardar que a moral e educação destes brasileiros voltem ao "senhor" e "senhora".

Até lá, fiquem espertos pivetada, tio é a ...

Reinaldo Brosler
http://www.ridersoffreedom.com.br

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia

Mais textos legais

Comecemos pela Base

Para conseguirmos belas e viçosas plantações, todos nós sabemos que fundamental para isso será...

Vôos da nossa vida

Completado no último mês de janeiro os 36 anos de um vôo alçado na adolescência, da cidade natal e...

Itabuna (BA)

Saindo então da saudosa Quinta da Boa Vista e voltando à realidade em Itabuna, onde houve essa...