Viagem de moto pelo Brasil

Acordamos cedo, pois calor lá e normal. Você fecha a torneira do banheiro e antes de chegar à porta já está seco. Novamente comi cuscuz. Maravilha de conhecimento. Comi o famoso cuscuz com ovo. Quem gosta de acampar deve aprender a fazer cuscuz. É rápido, forte e prático.

As estradas do Maranhão são terríveis. De Tarso Fragoso até Balsas, encontrei somente buraco, jegue e motoristas, que somente te ultrapassam nas curvas.

Quando cheguei a Balsas eu desisti da Chapada das Mesas. Já estava cansado de terra, queria conhecer a Cachoeira de Santa Barbara e meu tempo de viagem estava acabando.

Com certo arrependimento e ao mesmo tempo determinação, a apenas 3 horas de Carolina, segui para Barreirinhas.

Consegui chegar a Colinas (MA), uma das poucas cidades do Maranhão que não é violenta. Armei a rede em uma varanda e para minha sorte, estava fresco e era onde os seguranças também dormiam.

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia

Mais viagens pelo Brasil

Viagem de moto pelo Nordeste

No início de dezembro, entediado com mais um ano em Manaus (AM) e percebendo que passaria mais uma vez...

Lost Island Expedition

Meu objetivo era conhecer dois destinos muito conhecidos do Estado do Rio de Janeiro com a minha...

Um passeio Até Eugenópolis (MG)

Vou compartilhar uma viagem que eu e um amigo fizemos em duas motos Honda Bros 150cc no mês...