Estrada Real - de Carrancas a Passa Quatro

Estrada Real 391

Hoje foi o dia de visitar as cachoeiras de Carrancas e também fazer o percurso até a cidade Passa Quatro, a última do Estado de Minas Gerais que iríamos visitar durante nossa viagem de moto pela Estrada Real.

O Sr. Ivan, com muita cortesia, fez questão de nos orientar sobre como chegaríamos ao nosso destino. Fez também um mapa sobre como deveríamos fazer para chegarmos às cachoeiras, que ficam a 4,5 km distantes da cidade e partimos. Não imaginávamos que iríamos encontrar tanta beleza.

As Cachoeiras de Carrancas merecem uma nova visita. Não tem como descrever a beleza natural daquele lugar. São tão bonitas que a Rede Globo fez do conjunto de cachoeiras cenário para várias cenas de novelas e mini séries, como a novela Alma Gêmea.

Estrada Real 325

O acesso não é muito difícil, o esforço físico é médio, existem trilhas entre as pedras e a vegetação e não tem risco de se perder. No entanto, não é recomendável para pessoas com dificuldades de se locomover.

A primeira cachoeira visitada foi a "Cachoeira da Fumaça" que serviu de cenário para a citada novela da globo. Diante te tanta beleza, não é possível resistir a um mergulho nessas águas transparentes e frias. Na Cachoeira Véu de Noiva, o Daniel e Adeildo se banharam.

Depois fomos para a Cachoeira da Esmeralda, que fica a 9 km de Carrancas. Como é localizada em uma área particular, é preciso abrir tronqueiras de arame para ter acesso.
Nela encontramos várias pessoas acampadas e visitantes. Na trilha de entrada para a cachoeira existe um bar, onde é servida uma comida simples, mas muito boa.

Seguimos nossa expedição pelas cachoeiras. As trilhas são sinuosas e existem muitas pedras. As fotos demonstram a beleza do lugar.

Estrada Real 362

Às 13 horas retornamos para a estrada de terra com destino a Cruzília. Nesse trecho de 60 km a estrada é boa, mas requer cuidado com os mata burros, que são construídos no sentido longitudinal à estrada, dificultando a passagem de motos. Para piorar, no centro não possuem vigas, existe um buraco, que podem provocar acidentes. Neste trecho nos despedimos da estrada de terra, a qual retomais em Cruzília.

Neste caminho, cruzamos estrada de ferro, avistamos uma velha fazenda que foi transformada em Hotel Fazenda Triatuba, que é aberta a visitação, mas não tínhamos tempo.

Na chegada a Cruzília, fomos surpreendidos por um mal tempo, dessa vez não escapamos da chuva. Abastecemos as motos e seguimos passando por Caxambu e Pouso Alto, debaixo uma chuva muito fria, até finalmente chegarmos a Passa Quatro.

Na cidade, iniciamos a busca por uma pousada. Encontramos a Pousada São Rafael, de propriedade do Sr. César Saullo, (www.hotelpousadasaorafael.com.br), que também é fotógrafo e seu trabalho pode ser apreciado através das fotos da pousada que estão no site. As instalações da Pousada são ótimas, com destaque especial para as toalhas e roupas de cama, cheirosas e macias, vale a pena hospedar lá.

À noite, saímos a procura de um bom restaurante, o Sr. César nos recomendou uma Cantina Italiana, onde nos esbaldamos no filé a parmegiana, acompanhado de um cálice de vinho.

Deixar seu comentário

Postar comentário sem fazer login

0 / 2000 Restrição de Caracter
Seu texto deve conter 5-2000 caracteres
  • Nenhum comentário encontrado

Conteúdo relacionado - Viagens pelo Brasil