Foram 40 km de estrada de terra e 40 de asfalto. Novamente ao percorrer a estrada de terra, em frente às Águas Termais na Chapada dos Veadeiros, o suporte deu problema. Demorei para chegar a São Jorge, mas fui para Alto Paraíso que fica a uns 50 km aproximadamente de lá.

Lá consertei o suporte novamente com o serralheiro chamado Begué. Atencioso e solícito queria até ceder lugar para eu dormir, mas agradeci a ajuda e o conserto do baú e fui para o posto Vale da Lua.

Em Alto Paraíso fiz pouso no posto de gasolina Vale da Lua, também tranquilo, onde armei a barraca próxima da borracharia, onde o Baiano me deixou fazer a comida sem problemas.

Lá passei duas noites, sendo que no outro dia catei lenha para fazer a janta e café da manhã.

Conheci o Parque Chapada dos Veadeiros, mas não paguei para conhecer nenhuma cachoeira, pois já sabem minha opinião. Quase paguei somente para conhecer a cachoeira de Santa Barbara, mas desisti.

Achei Alto Paraíso mais hospitaleira que São Jorge. O Parque é bonito, mas tem que andar andei 16 km no Parque e depois mais 5 km, para voltar à saída, mas consegui, das 8 até às 16 horas.

Mais uma noite no posto vale da lua, e depois rumo a terra ronca.

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.