• Brasil
  • Publicado em:

De leste a oeste do Brasil - Bonito

Sabendo que a vida é cheia de surpresas e que, como diria o novo ditado "quem espera nunca alcança", resolvi este ano realizar velhos desejos. O primeiro deles é este que compartilho com vocês.

Há muito tinha vontade de conhecer Bonito, no Mato Grosso Sul. A cidade chama a atenção por ser considerada o melhor destino do ecoturismo no Brasil. Famosa por suas águas cristalinas, corredeiras e grutas e também pela boa gestão do turismo, garantindo a preservação do meio ambiente e a lucratividade.

Bonito também seria ótima oportunidade de percorrer longas distâncias e, como prêmio, poder mergulhar com cilindro em suas águas cristalinas.

No meu roteiro, 3.200 km de ida e volta. Na ida, passando pelo sul de Minas, Ribeirão Preto, Presidente Prudente e Jardim e, na volta, passando pela capital do estado de MS, Campo Grande, adentrando em Minas pelo triângulo via Frutal, Uberaba, Araxá e Belo Horizonte.

Roteiro viagem de moto até Bonito

Viajar de moto, como bem descreve Rômulo Provetti, em seu livro "A caminho do Céu", é uma experiência única. O contato com a natureza, com outros veículos e a simpatia que o veículo traz torna o trajeto bem mais interessante.

De Belo Horizonte a Bonito, indo por uma estrada e voltando por outra, a bordo de uma BMW F800 GSAs estradas, tanto as de ida, quanto as de volta, estão boas. Destaque negativo para os pedágios em vias simples em MG, positivos para os pedágios em pista dupla gratuito para motos em SP e pelas longas retas em bom estado de conservação no MS.

No primeiro dia, rodei 48 km de terra para conhecer a Gruta do Lago Azul e o Balneário Municipal.

A Gruta do Lago Azul foi o catalizador do turismo da região. Considerada o cartão postal da cidade de Bonito, a Gruta é um passeio contemplativo e histórico, que tem início com uma caminhada de aproximadamente 300 metros até a entrada da caverna, onde já se pode ter uma idéia de sua beleza. Descendo aproximadamente 200 metros por uma escadaria cavada na terra, avista-se um lago que encanta pelas águas de tom intensamente azuladas.

O Balneário Municipal é apropriado para um passeio rápido, com águas transparentes e cheias de peixes.

No segundo dia, 104 km em estradas de terra mal conservadas e um pouco de asfalto até a nascente do Rio Olho D'água, para mergulho na Lagoa Misteriosa e flutuação no Rio da Prata.

A Lagoa Misteriosa impressiona pela transparência da água e pelo imenso abismo que se avista quando se mergulha no local. Atingimos no mergulho 24 metros de profundidade e o mais impressionante era, a esta distância, virar de barriga para cima e avistar o céu sobre as águas.

Na flutuação do Rio da Prata, pode-se ter contato com uma enorme variedade de peixes, destaque para o Pacu e o Dourado.

No terceiro dia, o passeio mais impressionante. Situado a 21 km da cidade de Bonito encontra-se o famoso Abismo Anhumas.

Uma fenda que se abre em uma imensa cava de 85 metros de altura, onde se desce através de uma corda (rapel) e lá embaixo pode-se mergulhar a 22 metros de profundidade, ao lado dos maiores cones do mundo.

Bonito 

Para terminar o passeio, o pôr do sol no alto da serra.

Bonito 

Tabela com a rota percorrida
Dia Referência Distância km Tempo horas Condições das estradas 
03/07 Belo Horizonte - Penápolis 806 08:49 Boa, pistas simples em MG e duplas e simples em SP 
04/07 Penápolis - Bonito  808 08:46 Complicada apenas entre Penápolis e Presidente Prudente 
05/07 Bonito 48   Terra e asfalto em boas condições
06/07 Bonito 104    Terra em más condições e asfalto em boa
07/07 Bonito 28   Passeio de Bike
08/07 Bonito - Campo Grande 300 03:00 Asfalto em boas condições
09/07 Campo Grande - Araxá 950 10:00 Com exceção da divisa entre MS e MG as estradas estão boas
10/07 Araxá - Belo Horizonte 355 04:30 Boa condição, mas com grande fluxo de veículos

Última modificação: Sáb 21 Jan 2017

Deixar seu comentário

Postar comentário sem fazer login

0 / 2000 Restrição de Caracter
Seu texto deve conter 5-2000 caracteres

Conteúdo relacionado - Viagens pelo Brasil