Entrar

Expedição Alaska

  • Categoria: Américas

Prudhoe bay 1A Expedição Alasca foi uma viagem de ida e volta ao Alasca, em motocicleta, até a localidade conhecida como Prudhoe Bay, às margens do Oceano Ártico. É sobre essa viagem que quero escrever.

Saímos de Santa Catarina em três motos no dia 29 de maio e chegamos ao destino no dia 30 de julho, tendo percorrido até então 24.238 quilômetros, margeando o Oceano Pacífico, sempre que possível. O trecho entre Bogotá e Panama City fizemos via aérea, por não existir estrada cortando o Darien.

A viagem de volta foi um pouco mais longa e demorada, devido a um “tour” pelos Estados Unidos e Canadá. Saímos de Prudhoe Bay no dia 1º de agosto e chegamos em casa dia 7 de novembro, tendo percorrido nesse trecho 36.418 quilômetros. Agora, quando possível, margeando o Oceano Atlântico. Novamente utilizamos avião para cruzar o Darien, e barco para descer de Manaus até Belém (quatro dias e quatro noites navegando pelo Rio Amazonas).

As melhores estradas encontramos nos Estados Unidos e Canadá, e as pedagiadas do México, e o pior trecho, no Brasil, entre Boa Vista e Manaus. A gasolina mais cara é a brasileira, e a mais barata, na Venezuela (com um real é possível comprar 57 litros).

Ficamos impressionados com a segurança nas rodovias da Colômbia, especialmente no trecho que corta a região das FARC, e com a burocracia nas alfândegas dos países da América Central.

Tivemos a rara oportunidade de admirar as Barrancas da Serra Tarahumara e as Pirâmides Aste-cas e Maias, no México; o Grand Canyon e o Parque Yellowstone, nos Estados Unidos. E, de quebra, ainda participamos do encontro de motociclistas em Sturgis e visitamos a fábrica da Harley em York, na Pensilvania, onde são fabricadas as Electras e os triciclos.

Circulo Artico

Voltei satisfeito com o atendimento que tive nas oficinas autorizadas Harley na América do Norte e em Belo Horizonte. Minha moto era nova, dentro da garantia, e muitos reparos foram feitos por conta disso, sem maiores dificuldades.

Para esta viagem investi R$ 111.176,00 (eu e minha esposa/garupa), em despesas diversas, desde obtenção de vistos, seguro de saúde, passagens aéreas, de barco, de trem, cama, comida, combustível, manutenção da moto, roupas e lembranças (poucas), excluindo a compra da moto.

Osmar Becker

Texto e fotos gentilmente cedidos pelo blog Gumahd 76

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização