Viagem de Moto Viagem de Moto Inspirando viajantes
Viagem de moto pela América do Sul

4º Dia – San Salvador de Jujuy - San Pedro de Atacama

Este dia foi divertido, acordei às 5h da manhã e já enfrentei chuva em Jujuy, mas ao chegar no pé da Cordilheira dos Andes, a chuva já se tornou rara.

Saí da ruta 9 e entrei na 52 para atravessar o Paso Jama. Passei por Purmamarca e visitei a cidade, mas estava muito cedo e as pessoas ainda estavam começando a acordar.

Segui em frente e passei pela Cuesta del Lipan, um trecho da estrada que sobe a Cordilheira em zigue-zague, e senti o frio que me esperava. Passei pelo Salar de Jujuy e outros pelo caminho.

Planejei abastecer em Susques correndo o risco de o posto estar fechado por ser sexta-feira santa, mas em Susques NÃO TEM POSTO. O posto é em Pastos Chico, 3 km depois de Susques. Lá eu abasteci e paguei em peso chileno.

Cheguei à aduana ao 13 horas e foi fácil passar. Mas a burocracia me incomodou, pois tinha que preencher um formulário para entrar. Foi aí, depois da fronteira, que eu passei por altitudes desafiadoras, 4.830 metros acima do nível do mar. Sei que o recorde da Ténéré 250 foi de 5,680 metros. Há 2 pontos no caminho com altitude de 4.830 metros, e já avistava picos nevados aos montes.

Passei pela Laguna Negra, um lago muito bonito com água salobra e mais salinas. Avistei o Vulcão Lincancabur que fica na divisa do Chile com a Bolívia.

Cheguei a San Pedro de Atacama às 16 horas e me hospedei no hotel CORVASCH de motoqueiros, gerenciado por uma brasileira por P$ 26.000,00 duas noites. Haviam vários brasileiros hospedados lá. Logo que me instalei saí para visitar a cidade, bem rustica por sinal, mas charmosa.

Todos ajudam e não tive problemas com o idioma.

Percorridos 465 km

Comentários (8)

  1. Felipe Mendes

Rômulo, muito obrigado pela dica do site. Vai me ajudar bastante!
Abraço a todos

  1. Felipe Mendes

Rapaz, que beleza de informações! Te agradeço demais pela atenção e pela rapidez. rsrs
Posso te adicionar lá no face, então? Procuro por qual nome?
Grande abraço!

  1. Fernando Araujo    Felipe Mendes

Procura Fernando araujo moro em colombo Paraná. Na meu perfil tem uma tenere no salar. T guri!

  1. Felipe Mendes

Olá amigo, beleza?
To planejando nesse momento minha viagem por aí e me deparei com algumas duvidas. To lendo seus relatos, muito legal. Também to com uma Tenere 250... Ô bixinha boa! Poderias me dar algumas dicas?
Como você planejou o trajeto, as rotas que iria pegar? To usando o GMaps, mas as vezes desconfio das rotas traçadas... rsrs Por exemplo, de San Slavador de Jujuy até San Pedro de Atacama me diz que são mais de 800 Km, passando pela ruta 27, em vez de passar pela 23, que aparece cortada no trajeto. Tentei achar mapas dos países pra comprar, mas são caros demais. Desde já, te agradeço. Grande abraço!

  1. Rômulo Provetti    Felipe Mendes

Felipe, a resposta do Fernando está perfeita. Sé acrescento como sugestão utilizar o site www.ruta0.com para traçar sua rota na Argentina e Chile. Ele está muito atualizado e não tem os erros do Google Maps

  1. Fernando Araujo    Felipe Mendes

Dai guri! Seguinte.... o maps do google não informa o trajeto correto, pois ao sair de jujuy vc vai pela ruta 9 e depois vira em na ruta 52 e passa ao lado de Purmamarca (até da p visitar). assim começa os "caracoles (argentino)". No maps se vc observar verá que ele acaba e paso jama inicia no limite do país. Mas vi que tinha asfalto por relato de viajantes e é possível ver no "satélite" do maps. Ou seja, tentar observar se existe asfalto ou não basta colocar nesta opção.
Saia de Jujuy pela ruta 9, vire a esquerda em Purmamarca Ruta 52 e vai embora... abasteça em pastos chico e passe pela aduana. São 450km de boa.
A rota eu tracei por experiencia de outros viajantes. entrei por Dionisio Cerqueira e fui ate a ruta 12 e toquei até jujuy.
moto nao paga pedagio na argentina.... mas me cuidei dos policiais de lá. os azuis, eles são complicados. os Federais verdes são gente boa.
leve uma camara reserva para cada pneu (Nova). e saiba trocar. neste calor leve roupa sintetica. da p lavar no banho e secar na toalha. veja sua relação se esta boa e mantenha sempre esticada a cada noite que dormir.
Não rode depois das 16h, pois se der algum problema vc ainda tem a luz do dia p resolver.
de Roque Sanz ate Jujuy leve um galao de 5Lts de gasolina. tem poucos postos até la e os que tem pode não ter combustivel.
Rode nos 6mil RPM entre 95-100Km/h acredite... isso aumentará a autonomia da moto que se tiver tudo ok deve durar uns 450Km junto com a reserva.
Instale um app p poder se comunicar com sua familia, tipo.... Skype.. (foi muito util p mim) todos os postos tem WiFi (pode não ter gasolina mas wifi tem...)
Os frentistas vão te empurrar a Nafta Super que é mais cara. Tente sempre a normal.
Nafta é gasolina....
Leve Seguro carta verde - Passaporte - Na aduana eles te darão um doc p vc poder rodar de moto na argentina (não perca!)
No chile são tres papeis pequenos um de cada cor... (não perca) - Seguro do chile vc pode imprimir neste site
( http://www.magallanes.cl/venta/index.aspx?key=k66cl3 )
Sempre deixe a mão o passaporte... o resto isole da agua e guarde com vc no corpo.
Tire uma carteira de vacinação internacional ( Anvisa de qualquer aeroporto internacional proximo) acredite... esses argentinos são chatos.... detalhes que eles podem embaçar... (sabemos que lá nao é obrigatório)... somos brasileiros.... lembre-se!
vc pode ver no meu face todas as fotos e a rota que eu peguei. ta lá o passo a passo pela ordem.

  1. Fernando Araujo

Sim. FIca agora junto. É uma construção bem moderna e confortavel, fica somente a 5 km do limite de paso Jama. Esta aduana está unificada. Na frente dela fica os alojamentos dos aduaneiros.
Antigamente a aduana ficava em San Pedro, agora é tudo uma coisa só.
Mais rapido e mais pratico. O bom e isso evita a malandragem dos argentinos que ficam embaçando o nosso lado.
Abçs

  1. Nelson

Fernando,

primeiro parabéns pela coragem de viajar solo.
Eu fiz essa rota em 12/2012 e naquela época fizemos a aduana de saída da Argentina em Paso de Jama e a aduana de entrada no Chile em San Pedro de Atacama.
Pergunta: agora o procedimento de entrada no Chile é junto com a saída da Argentina em Paso de Jama?

Abraços.

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.