Hoje rodei 707,6 km desde Córdoba até Mendoza. Agora sim, sinto que comecei realmente a viagem. Ao contrário dos dias anteriores, em que passei por lugares sem muitos atrativos, paisagens que deixavam a viagem monótona, hoje passei por lugares muito legais e ví paisagens fabulosas, como vou descrever abaixo. Tirei neste dia mais fotos e fiz mais filmes que nos seis dias que o antecederam.

A estrada continua excepcional, apesar de ter visto alguns poucos buracos. Mas continuam, é claro, melhores que as do Brasil. É importante salientar que além das estradas serem melhores, o governo local investe muito na melhoria da infra-estrutura viária deste país. Boa parte das irregularidades que encontramos no asfalto é provocada por obras de duplicação e/ou melhoria dessa estrada. Observamos uma grande quantidade de marcas no asfalto, que parecem desenhos feitos numa cor um pouco mais escura que o próprio asfalto. Perguntando do que se tratava, fui informado que periodicamente o órgão responsável pelas rodovias verifica o estado do asfalto, e encontrando qualquer fissura imediatamente é feito um tratamento para impermeabilização para evitar que aumente. Deste modo, acaba gastando menos na manutenção das estradas, pois fazem um trabalho preventivo, e evitam a formação de buracos.

Continuo acompanhando o divertido grupo do Paraná que conheci ontem. Na medida em que vamos passando mais tempo juntos, vou tendo a oportunidade de conhecer um pouco mais de cada um e identificando as suas características. Todos têm me tratado muito bem e estou gostando muito da sua companhia. Sou chamado por “mineiro” por eles.

Saímos de Córdoba tarde e aconteceram imprevistos no percurso, e quando chegamos a Mendoza já passava de 23h00min. Por causa do Rally Dakar os hotéis da cidade estavam entupidos e com o horário avançado só encontramos um bem ruinzinho, um pouco melhor que o de ontem, mas igualmente desconfortável. E bem barato: AR$ 50,00 para cada um (R$ 35,00). O quarto em que fiquei parece o quarto do zelador que resolveram alugar, minúsculo, precisando de pintura e o banheiro deve ter uns 1,50m X 1,20m. Imagine-se tomando banho em um Box cujo piso é separado do restante do banheiro por um pequeno ressalto, e delimitado por uma cortina de plástico em L, mas de 50cm X 50 cm? Eu não consegui tomar banho direito. Os colegas disseram que só tomaram banho molhando todo o banheiro. Teve um que disse que tomou banho sentado no vaso. A vantagem deste hotel em relação ao anterior é a cama, muito boa e que permitiu descansar bem da viagem.

Sobre as histórias que contam sobre as exigências da policia argentina para extorquir brasileiros, para evitar ter problemas o Bento, que aparece na foto, trouxe triângulo e extintor de incêndio nos alforjes da Falcon.

O senso de direção dos paranaenses continuou ruim. Na saída de Córdoba nos perdemos como aconteceu na chegada e demos umas duas voltas no centro da cidade. Já na estrada nos perdemos novamente, mas esta “perdida” até que valeu a pena, pois acabamos conhecendo uma cidade próxima a Córdoba chamada Carlos Paz, muito charmosa, que se soubéssemos da sua existência teríamos até preferido ela a Córdoba. Fica à beira de um rio e onde se iniciam as montanhas que atravessamos hoje.

Estas montanhas foram uma viagem à parte. Quem conhece a Serra do Rola Moça, a Serra da Piedade e a Serra do Cipó, todas próximas a Belo Horizonte, sabe que são regiões lindíssimas, concentrando muitas características, flora e fauna próprias, e que proporcionam passeios de moto muito agradáveis. Agora coloquem num mesmo lugar estas três serras, aumente algumas vezes o tamanho e a altura e coloque nela uma estrada perfeita, com muitas curvas e retas longas de onde se pilota vendo uma paisagem fantástica no horizonte e imagine o que resulta. Só este trecho pagou a viagem até aqui. A viagem demorou muito também porque toda hora parávamos para ver a paisagem e tirar fotos. A penúltima mostra o momento em que uma núvem bate contra um paredão da montanha, no momento em que passávamos por ele. Fiz alguns vídeos contornando as curvas que ficaram muito loucos, só que não consegui ainda postar vídeos no blog.

Mesmo tarde da noite já vimos muita movimentação na cidade por causa do Rally, inclusive veiculos de apoio das equipes competidoras nas ruas.

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.