Sem problemas no deslocamento do grupo, apenas o desgaste natural de uma longa viagem de moto.

Na ala das correntes, pausa para troca de mais uma relação. Quanto à ala da correia, nenhuma foto para postagens devido a uma frente fria que se lançou sobre os valentes que apelaram para duas camadas de segunda pele, jaqueta, moletom, capa de chuva, jornal e qualquer outra coisa que servisse para aquecer. Um frio monstro para cada um impediu a retirada das luvas para fotografias.

Foram 970 km a menos na distância que separa os bravos de seus lares.

Comentários (1)

This comment was minimized by the moderator on the site

Olá Emerson, estou lendo seu relato de viagem e me gostaria de fazer uma pergunta: alguém da ala das correias teve algum problema andando sobre o rípio? Vc se recorda de quais motos que foram contigo usavam correia? Pergunto pois estou planejando esta viagem ao ushuaia para o próximo ano e estou para escolher entre uma moto com corrente ou outra com ccorreia.

agradeço muito se puder passar suas considerações.

Lucas

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Motos Adventure - expedição de moto pelo mundo

Livro sobre viagem de moto até o Atacama