Entrar

6º dia - Colón - Pigue

Viagem de moto pela Argentina

Às 8h30 saímos do hotel em Colón, região de Entre Rios, passando pelas Rutas 14 e 12, famosas pelos problemas com os policiais argentinos, com a meta de pernoitar em Bahia Blanca. Logo que percorremos uns 90 km, encontramos a barreira policial de Entre Rios. Estávamos equipados conforme a nova lei de trânsito da Argentina, província de Buenos Aires, ou seja, colete laranja com faixa refletiva e placa na parte de trás da moto e nas laterais dos capacetes.

Entreguei a PID, documento da moto e o passaporte. Tudo vistoriado, o policial perguntou qual o destino, falei patagônia, então ele disse: "- para o frio?" conversamos por um bom tempo e ficamos amigos. Ele me pediu o meu e-mail e telefone para quando estivesse no Brasil entrar em contato. Para mim foi muito gratificante aquela conversa, pois foi de total cordialidade, orientação sobre a estrada e outras informações. Com isto observei que o conceito de "mau policial" da policia caminera da província de Entre Rios não procede. Estando toda a documentação correta, Eles são cordiais e atenciosos.

Alertamos que a Rutas 12 e 14 estão excelentes nesse trecho, porém há muita vigilância por Radar, principalmente usando um Furgão branco, não padronizado, estacionado em recuo da Ruta. O piloto deverá ficar atento à velocidade máxima, pois a Ruta é de 110 km, mas há trechos de 80 km e o furgão poderá estar à espreita em um desses locais.

Decidimos pernoitar em Pigue e evitar entrar em Bahia Blanca para procurar hotel (cidade grande sempre é complicado, optamos sempre em pernoitar fora da cidade ou em cidade pequena). Próximo a um posto de serviço (combustível), numa rotatória na entrada da cidade tem o hotel Robles, com chalé e quarto. A moto fica em "cochera" ou em frente ao chalé que é excelente, por um preço muito bom.

Trajeto: Zarate, Lujan, Canuelas, Lobos, Saladillo, Bolivar, Daireaux, Pigue.
Distância percorrida no dia: 904 km
Postos de Abastecimento: Zarate, Saladillo, Daireaux, Pigue.
Rodovias: Rutas 14, 12, 205, 65 e 33 - Em bom estado, pouco trânsito.
Hotel: Robles - Hotel e Cabanas

Comentários (3)

  1. Antonio

Valeu Severino Félix, vou fazer o possível para não ser parado por esses maus POLICIAIS, e procurar estar dentro das normas de trânsito por lá. Forte abraço e boas estradas.

  1. Antonio

Boa noite e parabéns pela viagem.... poderia informar se o colete refletivo e o adesivo de placa no capacete e no colete foi feito no Brasil ainda ou já dentro de território Argentino. Estou pretendendo ir em Novembro/15 gostaria de algumas dicas pois segundo alguns amigos que já foram tiveram vário conflitos com os POLICIAIS e como vou solo não quero correr nenhum risco de ser parado e ter aporrinhações por não estar totalmente legal com os documentos . Desde já que sua viagem continue correndo tudo bem, e grato por sua atenção.

  1. Severino Felix    Antonio

Coro Antonio, obrigado por nos contactar.
O colete refletivo e o adesivo de placa no capacete foram desenvolvidos por mim, a partir da Lei/Resolução Argentina que tem um anexo com o modelo.
Compramos jaleco de segurança - Construção Civil Rodoviária, mandei acrescentar mais uma faixa e plotagem da placa em adesivo refletivo, tudo conforme as medidas da resolução.
Em SP existe um semelhante usado por MotoBoy que pode ser adaptado.
A Lei do Uruguai exige o colete só com as faixas refletiva e na Argentina província de Buenos Aires e Entre Rios exige com faixa e placa no jaleco e capacete, entretanto a Lei foi feita para motociclista dessas províncias, mais o objetivo é o motoboy de lá, porem nada impede que policial rodoviário de ambos os países possa implicar, gerando transtorno para o viajante que está em outro País.
Então, o objetivo é não dá chance para essa situações.
Em nossa viagem (solo Eu e Esposa) não tivemos nenhum transtorno e pelo contrário, fomos muito bem tratados em Entre Rios.
Já em 2013 indo para Atacama fomos acharcado em "Monte Quemado" por policial local. No final deixei vários fitinhas do Bonfim e barra de cereal.

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização