Entrar

Viagem de Moto pela Península Ibérica

Viagem de moto pela Europa

Estou começando mais uma viagem de moto, desta vez pela Espanha e Portugal. Já estive na Espanha no ano passado, na região do País Basco e na fronteira com a França, me divertindo nas centenas de curvas das estreitas estradas rurais (asfaltadas) que atravessam os Pirenéus. Aquela viagem eu fiz junto com um grande amigo que mora na França, o Vanildo. Portugal será o 11º país que vou conhecer pilotando uma moto.

Não tinha programado realizar nenhuma viagem para fora do Brasil este ano, mas surgiu uma boa oportunidade quando fui convidado a participar de um seminário promovido pela Harley-Davidson em Sevilha, na Espanha. A tentação foi grande para aproveitar a participação no evento, alugar uma moto e conhecer algumas regiões da Espanha e Portugal que não conheço.

A primeira providência foi verificar a disponibilidade de tempo. Consegui umas férias curtas no trabalho, 10 dias, que junto com um fim de semana faziam 12 dias corridos. É pouco para uma grande viagem, mas suficiente para conhecer algumas das famosas atrações da Península Ibérica.

Neste meio tempo recebi uma sugestão: porque não leva seu filho desta vez? O Álvaro é meu companheiro de viagens no Brasil, ótimo garupa, mas nunca havia feito uma viagem para o exterior com ele. Porque não? Tem o feriado do dia 12, semana do professor... Ele ficou extasiado. E eu vou ter a oportunidade de passar uns bons dias só com ele, pai e filho pelas estradas europeias...

Começamos as providências. Olhar melhor dia para o voo, preço, companhia aérea... Caramba, logo agora o Real desvaloriza, o Euro sobe e eleva os preços das passagens, hotéis, alimentação, despesas...

Para a Europa o brasileiro não precisa de visto, meu passaporte está em dia, mas faltava o do Álvaro. Agendamos o dia de fazer o passaporte, reunimos os documentos e na hora marcada estávamos lá. Só que o danado esqueceu um documento. E faltava menos de um mês para a data da viagem. Sorte que conseguimos uma nova data para duas semanas depois. Ameacei-o mais de uma vez que, se esquecesse algo novamente ele ficaria para trás. Mas deu tudo certo na segunda tentativa.

Enquanto isto eu olhava a moto que iríamos utilizar. A primeira opção, mais barata, fácil de encontrar na Europa eram as BMWs. Mas ir a um seminário da Harley com uma BMW? Portugal não tem Harley para alugar, então, fui olhar em Madrid. Achei na concessionária local, mas a um preço bem salgado. Como seriam por poucos dias, resolvi encarar assim mesmo. Fiz a reserva pelo site, recebi a confirmação automática e a informação de que deveria fazer um depósito de 50% do aluguel no ato da reserva, mas sem nenhuma orientação sobre como fazer. Tentei contato por e-mail, mas não recebi retorno. Consegui o telefone da concessionária e liguei pelo Skype. Caramba, espanhol pelo telefone é mais complicado que pessoalmente. Mas consegui contato com o responsável e combinamos de continuar a conversa por e-mail. O problema era que eles não aceitavam cartão de crédito para pagar o depósito. Aí foi outra novela: a solução foi uma transferência internacional de valores. Taxas e imposto de renda em cima do valor, mas no final deu certo.

Enquanto providenciava a moto, comprava as passagens aéreas e corria atrás dos documentos, eu navegava na internet para ver as opções de roteiro que poderíamos fazer em tão curto tempo e tanta coisa para ver. No final chegamos neste roteiro abaixo. O Google não traçou exatamente o que vamos percorrer, mas a ideia é fazer muito próximo disto. Estamos levando um GPS, que já utilizei na Europa no ano passado, e nele eu programo para evitar auto estradas. Na Europa este recurso nos leva aos lugares mais bonitos e surpreendentes de se ver, sem os riscos que corremos ao fazer isto por aqui.

Roteiro viagem de moto pela Península Iberica

Voltando à viagem, a ideia é ficar em Madri dois dias fazendo turismo a pé e de metrô, pegar a moto na segunda e neste mesmo dia seguir para Portugal, parando em algumas cidades para conhecer suas atrações. Pernoitar numa cidade logo que atravessar a fronteira, seguir para Lisboa no dia seguinte e ficar rodando pela região por dois dias. Depois seguir para Sevilha, participar do seminário e ficar por lá três dias. Por fim seguir para Toledo, onde vamos pernoitar e devolver a moto na segunda-feira cedo em Madri.

Neste momento estamos em Guarulhos, aguardando o avião que nos levará para o outro lado do Atlântico. Vou tentar manter todos informados sobre o dia a dia da viagem se não tiver problemas com a internet.

Abraços a todos e até amanhã.

Comentários (11)

  1. Rômulo Provetti

Ricardo, o título expert é exagero.
Acho que vocês vão encontrar muitas dificuldades nesta época que você está programando, a não ser que fique pelo sul da Itália. Do meio para cima vai encontrar muito frio e mais ao norte provavelmente estradas bloqueadas para moto. Eu escolheria outra época fora de dezembro, janeiro e fevereiro.
Já rodei no norte da Itália, muito pouco, mas suficiente para ficar com vontade de voltar. Estive estudando uns roteiros que eu faria por lá: partir de Roma (logística de chegar e sair do país) em direção ao norte até os Alpes, passando pela Umbria, Toscana, Emilia-Romagna e Lombardia. Um roteiro de cinema que tanto você quanto a Ignês vão adorar. Trace no Google Maps o seguinte roteiro: Roma - Assis - Siena - Florença - Bolonha - Pádua - Milão. Dali umas voltas pelos Alpes, retornando pela costa leste. 200 km por dia é muito para o que tem para ver. Entre estas cidades tem um monte de outras que vale a pena conhecer.
Nesta época que você está planejando teria que ser em direção ao sul, que eu não estudei o suficiente para te sugerir um roteiro.
Dê uma olhada neste site: http://www.mototouring.com/index.php?id=20 Eles alugam motos na Itália. Se quiser uma Harley, http://www.harley-davidson-roma.it. É mais caro, mas vale a pena uma Harley nas belas estradas Italianas.
Abraços

  1. RICARDO MAIA

Prezado Romulo,
Você é um expert quando o assunto é viagem de motocicleta. Parabéns por esta viagem.
Por favor quero sua opinião: estou pensando fazer um passeio pela Italia entre 26/12/12 a 12/01/13, numa motocicleta com minha queirda Ignês na garupa.
Qual sua opinião com relação à epoca/frio e se terias alguma sugestão de roteito.
Obrigado pela sua atenção.
forte abraço
Ricardo maia
PHD RMaia
Salvador - Bahia

  1. Carlos Vitorino

Parabens Romulo, somente quem teve oportunidade de viajar de moto pela Europa sabe o quanto é maravilhoso este passeio. Acho que voce deveria organizar uma viagem de moto pela Europa, pois eu acharia ótimo e seria o primeiro da lista.
Um grande abraço.
Carlos Vitorino

  1. Ederwildson

Parabéns Rômulo!
Muito Legal sua viagem, depois me mande mais detalhes para podermos programar uma destas também.

  1. Carlos Dantas

Vocês estão fazendo o passeio dos sonhos de muita gente, inclusive meu, lendo suas dicas me sinto encorajado para concretizá-lo mais rápido do que imaginei.
Sucesso!
Dantas

  1. Reges

parabens Provetti, não achei que iria tão longe com esta paixão.
Bacana demais!

  1. Rômulo Provetti

Obrigado, amigos. A viagem foi exatamente como planejamos. E que venha a próxima.

  1. Nilson Vieira de Carvalho

Rômulo, parabéns. Curta esta bela viagem em tão importante companhia. Nilson Carvalho phd Araxá.

Seja o primeiro a comentar este artigo.
Carregar Mais

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização