Combinamos de ir até o porto às 9 horas para procurar uma embarcação para um passeio pelos ribeirinhos, ver animais, etc...

No caminho encontramos com dois moto aventureiros, Marcos e Assis, de Natal, RN, que estavam finalizando sua volta pela América do Sul. Eles subiram toda a costa do Pacífico e estavam voltando ao Brasil pela Venezuela, estavam procurando hotel, indicamos o nosso e eles se hospedaram por lá.

No porto conhecemos um senhor e tratamos o preço de R$ 70,00 para cada um, para conhecermos vários lugares. Voltamos por volta das 15 horas, parariamos para almoçar em um restaurante flutuante.

Passamos novamente pelo encontro das águas, uma fazenda fluvial que cria pirarucus, onde é possível pescá-los sem fisgá-los, somente para visualização. Passamos por centenas de casas flutuantes, que são construídas em troncos que vêm de outra região.

Seguimos para outro lugar, passando por uma ilha com muitas palafitas e chegamos novamente em um casa flutuante, onde aportamos o barco. Ali havia uma sucuri, jacaré e um casal de preguiças, tiramos fotos com os animais, que são semi-selvagens, pois de tempos em tempos, eles soltam e capturam outros animais.

Fomos ao restaurante flutuante, almoçamos vários peixes e depois seguimos por um caminho elevado que passa no meio das arvores e fomos conhecer a vitória régia e um tipo de arvore com a base bem grossa, que suporta ficar imersa por um bom tempo.

Antes de voltamos para Manaus, passamos por vários Igapós e Igarapés.

Chegamos por voltas das 16 horas, fomos descansar e à noite jantamos em um restaurante próximo ao hotel, onde o garçom queria ensinar nosso amigo italiano como se faz uma pizza, rs...

Almoço no restaurante flutuante R$ 35,00

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.