Entrar

Expedição Serra da Capivara

  • Categoria: Nordeste do Brasil
Viagem de moto pelo Nordeste do Brasil

Eu e meu irmão estávamos programando fazer uma viagem de moto juntos há um bom tempo. Recentemente li os dois livros do motociclista mineiro Rômulo Provetti (A caminho do céu e A caminho do Atacama) e fiquei ainda mais empolgado com a idéia. Compramos duas Ténéré 250, equipamos e iniciamos os preparativos para a nossa aventura.

Saí de Palmas (TO) no dia 03 de Julho tendo como destino a cidade de Colinas (TO), onde meu irmão mora e estava me aguardando. Foram 279 km neste primeiro dia, por estrada tranquila e pausa na ponte do Lajeado para uma bela foto do Rio Tocantins.

Saímos no dia 04 de Julho com destino a Balsas (MA). Fizemos o roteiro desse dia passando pela cidade de Palmeirante (TO), onde decidimos conhecer o complexo de cachoeiras de Riachão (MA), distante 376 km do nosso ponto de partida. Passamos a tarde toda no lugar, chegando a noite a Balsas. Foram 358 km de viagem neste segundo dia.

No dia 05 de Julho bem cedo, rumamos para São Raimundo Nonato (PI), onde se localiza o Parque Nacional da Serra da Capivara, uma das maiores coleções de pinturas rupestres das Américas, e um lugar de rara beleza natural. As estradas do Tocantins estão em péssimas condições, mas ficamos impressionados com a excepcional qualidade das estradas desta região do nordeste que atravessamos. Estradas perfeitas, postos de combustível satisfatórios e um visual maravilhoso. Optamos por viajar passando por Floriano (PI), o que aumenta em quase 100 km a distância que teríamos que percorrer em relação à rota por Uruçuí, mas a estrada e o visual compensam.

Viagem de moto pelo Nordeste do Brasil

Chegamos no final da tarde a São Raimundo Nonato, tendo rodado 683 km neste dia.

Dia 06 de Julho fomos conhecer o Parque Nacional, um lugar ainda pouco conhecido pelos brasileiros, mas um pedacinho deslumbrante do nosso país. Se você não conhece, merece um dia ir conhecer, o lugar é maravilhoso e muito bem cuidado.

Rodamos pelo parque o dia inteiro. Além das pinturas rupestres, o parque possui formações rochosas maravilhosas e os guias levam os visitantes para uma verdadeira caminhada de aventura pelas trilhas. Você só pode entrar no parque na companhia de um guia.

À noite, ao voltar para a pousada, estávamos moídos. Tomamos uma cerveja geladíssima e comemos um cuscuz com carne de sol, queijo coalho e um omelete com tomate seco, delicioso, recomendo.

Como o Museu do Homem Americano (que é uma atração imperdível) não funciona às Segundas, tivemos que visita-lo na terça-feira dia 07. Acordei cedo e fui até a Igreja Matriz e ao Mercado Municipal. Voltei para a Pousada onde me encontrei com meu irmão e fomos para o Museu, que abre às 9 horas. Ele é surpreendente, moderno e muito bem conservado. Fica dentro da cidade.

Tinhamos programado seguir para Barreiras (BA) no dia seguinte. A rota que o Google Maps nos indicou tinha 555 km e passava pela cidade de Anisio de Abreu. Como já eram 11 horas da manhã, acreditávamos que no final da tarde chegaríamos a Barreiras. O problema é que a estrada não possui asfalto e só fomos descobrir no saguão da pousada. Conclusão, rota de 809 km através da cidade de Corrente (PI).

Viagem de moto pelo Nordeste do Brasil

Chegamos tarde da noite a Barreiras, depois de comer um espetinho em um posto de combustível próximo à cidade.

Dia 08 de julho acordamos cedo e partimos para Palmas, nossa última etapa. As estradas desta região da Bahia estão muito boas, apesar do intenso trânsito de caminhões. A região é grande produtora de grãos. Passamos por Luis Eduardo Magalhães e logo estávamos na divisa da Bahia com o Tocantins. Foi só entrar no estado e voltamos a encontrar estradas péssimas (que saudade das ótimas estradas que estávamos rodando nos últimos dias). Ao passar por Natividade (TO), não pude deixar de dar uma passada na Tia Naninha, famosa boleira da cidade e que faz um conhecido e delicioso biscoito chamado Amor Perfeito. Minha esposa já havia encomendado a compra da iguaria logo que acordei, via mensagem de texto.

Chegamos a Palmas às 15 horas, tendo percorrido 575 km nesta última etapa, totalizando 2704 km de viagem. Foi minha primeira viagem de moto. Confesso que estava apavorado quando sai de casa e iniciei a aventura. Quando cheguei já estava pensando em quando farei a próxima.

Comentários (0)

Não existem comentários postados aqui ainda.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização