Entrar

2º dia - Campanário - Porto Seguro

  • Categoria: Rota Nordeste
Viagem de moto pelo Nordeste do Brasil

Saí às seis e meia de campanário rumo a Teófilo Otoni. Transito tranquilo na BR-116 e depois na BR-418 até Nanuque, com exceção de um ou outro caminhão e carros de moradores locais. A rodovia é bem deserta, inclusive sem opções de parada, a não ser de um posto entre Teofili Otoni e o trevo de Carlos Chagas e um outro no referido trevo, nenhuma outra opção de parada até Nanuque, sugerindo que já deve sair abastecido de T. Otoni para seguir em frente.

Viagem de moto pelo Nordeste do Brasil

Próximo a Carlos Chagas, algumas rochas gigantescas encravadas na terra dão ao lugar um lindo visual. Alguns quilômetros depois de Carlos Chagas, um pequeno desvio em uma ponte em reforma e segui rumo ao Estado da Bahia. Pequena parada na pista para reforma, já na Bahia, nada demorado. Peguei a BR-101 sentido Eunápolis, com trânsito novamente tranquilo e os famosos coqueiros nordestinos, começaram a aparecer depois de um tempo, como quem dizendo "você esta no nordeste, agora relaxa e aproveita".

Cheguei a Arraial D'ajuda por volta das três da tarde, me instalei no Mox Hostel por duas noites e em seguida uma volta pra conhecer o lugar e um sorvete de graviola e cupuaçu pra refrescar.

À noite, encontro com os companheiros do AMEBR's (APOIO AO MOTOCICLISTA ESTRADEIRO BRASIL) e outros motociclistas do sul, também em viagem pelo nordeste, para um bate papo e troca de ideias e informações, fechando o segundo dia de viagem.

Comentários (1)

  1. flavio silveira monteiro

estive em porto seguro cabralia fui na tribo dos indios patachos muito lregal motoabraços se quiser me achar to no face book flavio coelhos do asfalto motoabraços

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização