Moto trip to Atacama

Moto trip to Atacama

O plano é fazer uma viagem de moto de cerca de 8.500 km pelas estradas do Brasil, Argentina e Chile. Essa viagem durará 24 dias e terá como principal destino o Deserto do Atacama no Chile.

O roteiro consiste em cruzar o sul do Brasil e norte da Argentina em direção a Santiago do Chile e depois subir até San Pedro do Atacama, voltando para casa por Foz do Iguaçu.

Dos 24 dias de viagem, 10 serão para percorrer estradas. Nos dias restantes estamos prevendo paradas para conhecer as seguintes cidades: 1 dia em Rosário (Argentina), 1 dia em Córdoba (Argentina), 1 dia em Mendoza (Argentina), 2 dias em Santiago (Chile), 1 dia em Valparaíso/Vina del Mar (Chile), 5 dias em San Pedro de Atacama (Chile), 1 dia em Salta (Argentina) e 2 dias em Foz do Iguaçu (Brasil).

São Paulo - Chapecó

AtacamaNosso primeiro dia foi bastante corrido. Saímos as 6h30min da manhã. Mas tivemos muitos contratempos. Primeiro com o documento do Luciano. Nossa sorte é que não tinhamos andado muito na estrada ainda. Com isso acabamos pegando estrada mesmo somente as 8h30min.

Depois enfretamos muito trânsito na Regis. Muitos caminhões, reformas na pista e etc. Sem contar que todos dormiram no máximo 4 horas no dia anterior por conta da ansiedade. Mesmo assim conseguimos chegar a Chapecó às 19 horas. A cidade nos deu boas vindas com uma bela chuvas nos últimos 10km. Rodamos 860km com apenas três paradas!

Paso de los Libres

Argentina 1Hoje acordamos cedo. Às 7 horas da manhã já estávamos de pé. As nossas baterias estavam recarregadas. Estávamos precisando de uma boa noite de sono. Fomos então surpreendidos com um belo banquete de café da manhã servido pelos pais da Suzane. Acabamos saindo da casa da mãe dela as 9h30min rs.

Paramos no primeiro posto para abastecer os nossos brinquinhos.

Já sabíamos que provavelmente não chegaríamos a Rosário, então decidimos dividir o trajeto de 1.300km em dois dias e não ir até Rosário, mas sim Santa Fé, parando para dormir em Passo de los Libres.

Santa Fé - Córdoba

estrada4Saímos de Santa Fé no dia 02 de abril, atrasados pra variar. Nosso trajeto era relativamente curto, apenas 350 km, os quais prevíamos fazer em menos de quatro horas dadas as condições da estrada que são excelentes. Porém ocorreram vários imprevistos no caminho. A começar pela nossa demora no primeiro abastecimento. Era para ser uma parada rápida de 20 minutos que se estendeu por um "chá da tarde" de quase uma hora.

Depois erramos o caminho devido a um problema no mapa do GPS, o qual não continha um trevo da rodovia da nossa rota. Isso nos consumiu mais meia hora. Parece pouco, mas em meia hora deixamos de percorrer cerca de 50km.

Córdoba - Mendoza

Mendoza48Deixamos Córdoba bem cedo na quinta-feira e dessa vez tínhamos 690km pelo frente.

Escolhemos o caminho de serras de Córdoba. A chuva nos acompanhou por quase todo o percurso. mas ao chegar nas serras de Córdoba o tempo abriu e pudemos apreciar a bela paisagem da região. Vale muito fazer esse caminho!

Levamos 10 horas para chegar a Mendoza. A cidade é bastante movimentada e cercada por muitas vinícolas com plantações de uva a perder de vista. Fomos conhecer a vinícola da Chandon e da Vistandes. Tomamos alguns vinhos e levamos um para casa.

Cordilheira dos Andes

Andes61Passamos o dia atravessando a Cordilheira dos Andes entre a Argentina e o Chile. Foi uma viagem de moto de 350km nesse trecho, onde paramos muito para bater muitas fotos.

Passamos por muita coisa legal para ver.

Seguem algumas fotos que batemos.

Santiago

santiago11Chegamos a Santiago cansados depois de atravessar a Cordilheira dos Andes com nossas motos. Logo de cara percebemos que os motoristas em Santiago não respeitam em nada os motociclistas. Levamos várias fechadas e buzinadas. Para andar de moto nessa cidade tem que tomar muito cuidado.

Valparaíso e Viña del Mar

valparaiso-vina-del-mar-9Nesse dia de nossa viagem de moto em direção ao Deserto do Atacama, saímos de Santiago e fomos direto para Valparaíso. O caminho era curto, cerca de 120km. Chegamos por volta das 11 horas da manhã e demos de cara com uma linda vista do Oceano Pacífico. O dia estava realmente muito bonito! Resolvemos ir costeando o mar e chegamos numa pequena praia chamada Laguna Verde. Na volta, nos perdemos um pouco, mas por sorte caímos no meio dos morros de Valparaíso, onde paramos para almoçar. Um lugar que tem um clima dos morros da Lapa no Rio de Janeiro.

Viña del Mar - Bahía Inglesa

Bahia Inglesa 08No dia seguinte, acordamos cedo para continuar nossa viagem de moto pelo Chile. Nosso destino agora era San Pedro de Atacama. Dividimos o caminho em dois dias de cerca de 800 km cada.

Na saída de Viña del Mar, o frio começou a nos acompanhar. Andamos com a temperatura na casa dos 10 graus.

Depois dos primeiros 200 km rodados, a paisagem desértica começou a se formar no horizonte e grandes morros de pedras e campos de areia começaram a surgir.

Bahía Inglesa - San Pedro de Atacama

San Pedro de Atacama 04Continuamos nossa viagem em direção ao norte, para San Pedro de Atacama. Deixamos de acompanhar a costa do Oceano Pacífico, e passamos a atravessar o Deserto do Atacama. A paisagem vai ficando cada vez melhor!

Nesse trecho, tivemos que tomar mais cuidado com os postos, pois eles são bem espaçados. Contamos com a ajuda de muitas pessoas que sempre vieram conversar com a gente durante nossas paradas.

Conteúdo relacionado - América do Sul