Tiramos o dia para fazermos um pequeno tour pelas terras Incas através de uma empresa de turismo. Moacyr não pôde ir por estar com uma forte diarréia e já estava a dois dias de cama com o Paulo Brunoro medicando.

Começando o passeio, fomos ver a cidade de Cusco num topo de um grande morro, onde ficava a Igreja de São Sebastião. Pudemos observar a arquitetura da cidade e as casas de cor marrom, praticamente todas elas. Vimos a pista do aeroporto de Cusco, que fica no meio da cidade, sendo uma bomba relógio para muitos moradores, pois se ocorrer uma queda no pouso ou decolagem, a tragédia não é menor do que aproximadamente umas 10 mil pessoas ou mais.

O passeio continuou com a Van nos levando a muitos lugares como o vale SAQSAYWAMAN onde vimos obras que levaram 50 anos para serem levantadas com pedras de até 128 toneladas, trazidas de lugares a cerca de até 4 km, incluindo morros, rios e matas, que foram colocadas em lugares estratégicos como se fossem coisas simples para uma civilização que não tinha os guindastes que temos hoje para fazer este trabalho. Vimos construções que foram feitas há séculos passados com perfeitos encaixes milimétricos entre as pedras, com significados e formas únicas dos Incas. Visitamos o convento de Santo Antonio, o QORIKANCHA que hoje é um recinto sagrado. Tiramos fotos com as pessoas vestidas de Incas, mulheres, crianças, jovens, todos nos oferecendo artesanato Inca e todos muito simpáticos e educados, mesmo a gente dizendo que não queríamos.

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.