Antes das 4 horas da madrugada já estávamos de pé, preparando a bagagem para colocar nas motos. Não foi difícil colocar tudo nas armações de ferro que cada moto levava nas laterais, mas a bagagem era muito mais volumosa que eu imaginava. Pouco antes da 5 horas o Ankur chegou. Algumas fotos e seguimos para a estrada. Mesmo sendo muito cedo, já havia movimento nas ruas e avenidas. A saída da cidade não foi fácil, muitos caminhões e outros veículos disputando espaço.

Pegamos uma estrada muito boa, duplicata e com três pistas em cada sentido. Mas a viagem não rendia por conta dos muitos caminhões, ônibus, tuk tuks, motos, animais e gente que ocupavam todas as faixas. A velocidade máxima permitida era de 80 km/h e quando a estrada atravessava alguma cidade, o trânsito da estrada se misturava ao da cidade, com businas e a necessidade de muito cuidado para andar.

Vimos muitos templos e sinagogas ao longo da estrada. Paramos para calibrar os pneus e para lanchar. Pela primeira vez experimentamos a parantha, uma espécie de pão com recheio. Eu escolhi o que vêm com cebolas. Muita água para hidratação, pois o calor veio intenso quando o sol nasceu.

Saímos da rodovia duplicada e pegamos uma estrada simples, com fluxo nos dois sentidos e as primeiras montanhas para contornar e com ela vieram os buracos. Em uma cidade chamada Una, paramos para beber água em uma lanchonete e o Ankur descobriu que o pneu de sua moto estava furado. Enquanto ele foi procurar um lugar para consertar, ficamos esperando e interagindo com a família dona do pequeno estabelecimento em que estávamos. Eram da religião sick, cujos homens são caracterizados pelos turbantes e longas barbas. Mais tarde nos separamos do Ankur, que seguiu para outra região.

Próximo à cidade de Bhota, começou a chover. A noite já se avizinhava e ainda faltavam cerca de 160 km para a cidade que havíamos planejado pernoitar. Ficamos inseguros para prosseguir e procuramos um hotel na cidade.

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização