De manhã cedo, os amigos de idade mais avançada que chegaram no ônibus de turismo – segundo eles mesmos - acordaram mais cedo do que o de costume e ficaram esperando em frente ao hotel apenas para nos ver partir. Recebemos a gentileza como uma pequena homenagem de pessoas que aprenderam a importância do movimento e do respeito às próprias limitações sem abrir mão da liberdade.

Partimos no rumo de Junin de los Andes, depois na opção para Bariloche desviamos para Neuquén. Nessas estradas desertas entre as cidades a atenção deve ser máxima, a fim de não perder a informação correta e errar o caminho, que poderá levar as motos para uma estrada de RIPIO pesado ou a uma situação de pane seca, no meio do nada.

Viagem de moto Argentina - Patagônia

Em certos momentos, o GPS da Harley-Davidson Ultra, ficava sem traçado. Por isso, sempre nos guiávamos pelas placas e informações de pessoas locais, usando o recurso eletrônico apenas como acessório complementar. Como é sabido, o GPS sempre nos leva ao local de destino, porém o problema é que nem sempre pelo roteiro mais seguro ou atualizado.

Inebriados pela amplidão, acelerando nas lonjuras infinitas, percebíamos a transição das florestas austrais para a paisagem do semiárido e para a do árido, vendo crescer o Deserto de Neuquén com sua inóspita paisagem, através das nossas viseiras empoeiradas ou das lentes fotográficas do casal Fred & Nathalia.

A fim de não dormir sobre o guidão, buscávamos a adrenalina imprimindo um maior giro do TwinCam, que mantinha a mesma serenidade e estabilidade. Normalmente, o regime de cruzeiro era mantido a 3.500 RPM, em sexta marcha. Mais confiante na própria Harley-Davidson, vez por outra, nas retas infinitas que se penduravam na linha do horizonte, um ou outro elevava o giro até 5.000 RPM para quebrar a monotonia ou conhecer melhor a máquina poderosa que estava tornando um grande sonho em realidade.

Percorridos no dia, 420 km e 6.560 km acumulados.

Comentários (1)

  1. Alexandre

Sua escrita é singular. Congrega a aventura do motociclismo e a crônica do bom escritor. Parabéns e continue nos brindando com tão especial iniciativa. Obrigado.

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.