Entrar

As 10 motos mais roubadas do Brasil

  • Categoria: Dicas
As 10 motos mais roubadas do Brasil

É frustante para o proprietário de uma moto quando não encontra seu precioso bem no lugar onde havia estacionado. Só quem passou por uma situação como essa sabe como é ruim a sensação de perda, além dos transtornos burocráticos que esse problema tão comum podem ocasionar. É uma triste realidade cada vez mais frequente nos grandes centros urbanos brasileiros. Escolher um modelo menos visado pelos ladrões ou ter bastante atenção na escolha do local onde deixar a moto estacionada podem ser boas alternativas para minimizar o prejuízo.

Pensando nisso, montamos uma lista com as motos mais roubadas em 2015 com base em dados divulgados pela Confederação Nacional das Empresas de Seguro (CNSEG). Os dados são referentes ao período de janeiro a novembro de 2015. Confira a lista:

Posição Modelo Nº furtos ou roubos
1 Honda CG Titan 125 19.223
2 Honda CG Titan 150 10.113
3 Honda CBX 250 Twister 5.946
4 Honda C100 Biz 4.109
5 Yamaha YBR 3.370
6 Honda Biz 125 2.950
7 Honda NXR 150 2.665
8 Yamaha YS 250 Fazer 1.841
9 Honda XR 250 Tornado 1.779
10 Honda NX4 Falcon 1.585

Ao analisar os números acima é importante levar em consideração também a quantidade de motos expostas, ou seja, quanto maior o número de motocicletas de um modelo vendidas, maior exposição ao roubo e furto o modelo terá. Isto pode ser uma explicação para a Honda CG Titan ser o modelo mais visado, por ser também o modelo mais vendido no país.

São Paulo e Rio de janeiro são os estados com o maior número de roubos, acumulando quase 1/3 das ocorrências do pais. Ceará, Bahia e Minas Gerais são os outros estados brasileiros com grande volume de ocorrências. Os cinco estados abaixo vêm apresentando um aumento gradativo no número de motos roubadas nos últimos cinco anos e em São Paulo o aumento foi de 16% em relação a 2014.

Posição Estado % furtos ou roubos
1 São Paulo 17
2 Rio de Janeiro 15
3 Ceará 13
4 Bahia 11
5 Minas Gerais 8

Principais cuidados para evitar o roubo

escolher um modelo menos visado pelos ladrões ou ter bastante atenção na escolha do local onde deixar a moto estacionada podem ser boas alternativas para minimizar o prejuízo. Alguns modelos não aparecem na lista acima, mas sabidamente são bastante visadas pelo ladrões. Além dissso, observe algumas dicas que Polícia sugere para os proprietários de motocicletas:

  • Utilize o máximo de subterfúgios e mecanismos para dificultar a ação do ladrão;
  • Evite passar por locais isolados e mal iluminados. Varie o roteiro constantemente;
  • Se ver alguém mexendo na sua moto, não se aproxime e chame a polícia imediatamente;
  • Preste atenção no retrovisor. Observe a aproximação de outras motos, principalmente com dois ocupantes;
  • Se for vítima de roubo não reaja. Faça movimentos lentos e desça de moto e depois acione a polícia;
  • Ruas desertas e com pouco movimento são um convite para os ladrões. Escolha lugares  movimentados, mesmo que isto te obrigue a andar mais;
  • Seja discreto na hora de escolher os trajes e os acessórios da moto;
  • Quando deixar a moto na garagem, ou mesmo quando estiver em um lugar que ache seguro, não esqueça de travar;
  • Fique alerta. Parar e travar sua moto, bem como destravá-la e sair devem ser ações rápidas.

Comentários (1)

  1. mOto|mT0 Ll0wl©o LOLZ PøWneD

Queria saber se isso de "modo mais roubada" é geralmente dado em absoluto ou em comparação com a frota delas nas ruas. Acho que geralmente é só número absoluto, que não quer dizer muita coisa.

Não existem comentários postados aqui ainda.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

Conteúdo relacionado - Dicas para viagens de moto