Entrar

Qual a melhor gasolina para moto?

  • Categoria: Dicas
Qual a melhor gasolina para moto

Volta e meia escutamos esta dúvida, pois atualmente as opções são tantas que realmente confundem o consumidor. "Uso sempre a premium!", diz um. "Eu só uso a comum!", diz outro. E assim vai por todas as marcas e tipos de gasolina disponíveis. Conversando com os amigos, às vezes surgem até receitas milagrosas: "mistura 50% dessa com 45% da outra, mais 5% de aditivo tal! A moto vai ficar um foguete!". Então, fiz um levantamento das informações sobre as gasolinas da Petrobrás, Ipiranga e Shell, o qual repasso aqui para os amigos.

Tipos de gasolina:

Temos a comum, a aditivada e a premium. A gasolina comum é praticamente igual para todas, pois vem da mesma fonte: Petrobrás. A diferença começa na gasolina aditivada, onde cada distribuidora usa uma receita "secreta" de aditivos. E finalmente a tipo premium é uma gasolina mais forte, de maior potência (veremos isso ali na octanagem). É bom lembrar também que TODAS tem adição de álcool conforme obrigatório por lei aqui no Brasil.

Aditivos:

Basicamente identifiquei dois tipos de aditivo: os xampus limpantes, que limpam os resíduos da explosão, descarbonizando velas e válvulas. Deixam as "artérias do coração" da moto limpas!. E há os redutores de atrito, que são os aditivos que dão um jeito para que o cilindro/pistão escorreguem melhor. E redução de atrito significa melhor rendimento do motor, menor consumo! Agora, tem que prestar atenção pois nem toda aditivada tem os dois aditivos. Comparando as marcas, a maioria das aditivadas oferece apenas o xampu limpante.

Octanagem:

Uma palavra bem complicadinha de explicar. Octana é uma medida da resistência à detonação. Ou seja, quanto a gasolina agüenta de pressão antes de explodir. As nossas gasolinas já foram mais fracas, mas atualmente as informações dizem que não devem nada ao resto do mundo. No Brasil estão disponíveis gasolinas com 87 octanas (comum e aditivada), e as premium de 92 e 95 octanas. Um dos fabricantes informa que esta de 95 "é a mais forte do mundo!".

Quadro comparativo das gasolinas pesquisadas

Gasolina Octanagem Aditivo Petrobras Shell Ipiranga
Comum 87 Nenhum Tipo A
Comum
Comum Original
Aditivada 87 Xampus limpantes Tipo A
Aditivada
- Original
aditivada
Super aditivada 87 Xampus limpantes
+ redutores de atrito
Grid V-Power
Nitro +
DT Clean
Premium 91 - 92 Xampus limpantes
+ redutores de atrito
Tipo A
Premium
V-Power
Racing
Original
Premium
Premium 95 Xampus limpantes
+ redutores de atrito
Podium - -


*Atualizado em dezembro/2016

Comparando as informações técnicas, vemos claramente uma vantagem da aditivada da Shell sobre as outras marcas, pois ela possui os dois aditivos. Isso bate com os relatos de melhoria do consumo obtidas com o uso dessas gasolinas. Em todos os distribuidores, as tipo premium foram recomendadas somente para "veículos importados de alta performance". Essa gasolina mostra toda sua força em motores com taxa de compressão acima de 10 pra 1. Assim, utilizá-la em motos "normais" parece ter mais efeito psicológico do que prático. E ainda machuca o bolso, pois é mais cara. Na dúvida, leia o manual da sua moto e procure saber qual a taxa de compressão do motor.

Conclusão:

Se o motor da sua moto não é de alta compressão, como explicado acima, gasolina premium é só pra gastar dinheiro, pois é mais cara, não te traz potência e faz o mesmo trabalho da aditivada. A gasolina aditivada é a melhor escolha, já que muitas vezes tem o mesmo preço da comum e ainda limpa o motor. Comum só em emergências na estrada, e mesmo assim cuidado com a "cara" do posto, pois infelizmente a gasolina adulterada é uma realidade. Controle sempre o consumo a cada abastecimento, pegue o cupom ou nota fiscal e em caso de desvio muito grande em relação ao que está acostumado a ver na sua moto, denuncie para a ANP com vontade!

Última dica: se você está usando a comum há muito tempo, não troque para aditivada rapidamente, sob pena de soltar um monte de sujeira e entupir carburador ou outra parte do circuito de alimentação. Quando for abastecer, coloque 80% de comum e 20% de aditivada, e vá usando. No próximo abastecimento, aumente a dose de aditivada, e vá controlando.

Fonte de pesquisa: sites da Petrobrás, Ipiranga e Shell

Bressan - El Bando Moto Grupo DF/RJ

Comentários (52)

  1. edilson silva

Ola! Gostaria de saber do consumo. A moto gasta mais usando gasolina ativada do que a comum?

  1. Bressan52    edilson silva

Nas motos que fiz o acompanhamento (Boulevard M800 e M1500) o consumo com aditivada sempre foi um pouco MELHOR do que com a comum. E com a super-aditivada (Vpower ou Grid), melhor ainda. Nessas motos, o consumo com Podium foi pior que com a comum. Para sua moto, pode ocorrer o mesmo. O bom é você mesmo fazer os acompanhamentos e verificar.

  1. Mad Max    Bressan52

Podium só compensa com motor a alta compressão, ou seja, normalmente as esportivas (e olha lá, com o litro a 4,80...). Nem a minha velha Harley tem compressão alta, só uso V-Power!

  1. Junior

Minha moto é uma fan 2009, eu posso colocar gasolina aditivada ?

  1. Rômulo Provetti    Junior

Júnior, pode colocar sem problema, mas lembre-se do que está escrito no final do artigo:

"... se você está usando a comum há muito tempo, não troque para aditivada rapidamente, sob pena de soltar um monte de sujeira e entupir carburador ou outra parte do circuito de alimentação. Quando for abastecer, coloque 80% de comum e 20% de aditivada, e vá usando. No próximo abastecimento, aumente a dose de aditivada, e vá controlando."

  1. Mad Max    Rômulo Provetti

Uma dica: com o tanque quase cheio (3/4), completa com aditivada, depois vai completando com o tanque gradativamente mais vazio... Um exemplo: 3/4, depois 2/3, depois 1/2, 1/3, 1/4...

  1. Luciano

Queria saber se tem algum problema se eu colocar gasolina pura na minha moto? OBS: A MOTO É FLEX.

  1. Bressan52    Luciano

Luciano, vou copiar um comentário antigo aqui da página: "Prezados, a gasolina pura tem uma capacidade de explosão por apenas variação de temperatura. Desta forma o movimento do cilindro, que gera uma grande quantidade calor acaba detonando a gasolina antes do faiscamento gerado pelas velas. Isto adianta o processo de detonação, deixa o sistema ineficiente e tem como consequência a famosa "batida de pino". Para sincronizar o processo de explosão com o ciclo do motor, foi usado durante algum tempo o chumbo que tem a característica de atrasar esta explosão, por ser um elemento antidetonante na mistura. No entanto, diante do advento dos problemas ecológicos, o chumbo foi banido por ser altamente tóxico ao meio ambiente. Desta forma houve necessidade de se acrescentar algum outro elemento antidetonante e que possa estabilizar a gasolina. Esta função foi então dada ao alcool, que tem esta capacidade. Hoje praticamente todos os paises do mundo usam o alcool para esta função, ou algum outro elemento sintético em seu lugar. Assim, podemos concluir que a gasolina PURA não é adequada a nenhum motor de explosão."

  1. Rômulo Provetti    Luciano

Imagino que sua moto tem injeção eletrônica. Se tiver, o módulo de injeção identificará, através de vários sensores espalhados pelo motor e escapamento, qual a mistura de combustível que provavelmente está sendo utilizada e determinará o mapa de trabalho mais adequado para ela.
Já percorri com minha moto vários países onde a gasolina não é misturada com álcool. Funcionou muito bem e o consumo de combustível foi menor que quando abastecido com gasolina aqui do Brasil.

  1. Mad Max

Bem, pelo que entendi da explicação, há casos em que a Pódium não vai aumentar o rendimento nem a potência do motor, então usá-la em detrimento das outras seria desperdício de dinheiro. Não levo aqui em conta a "pureza" da gasolina que, sem dúvidas, é maior na Pódium.
Eu só uso V-Power, salvo na impossibilidade de alcançar um posto a tempo...

  1. MARCO ANTONIO OLIVEIRA

Independente da taxa de compressão a gasolina de maior octanagem sempre vai funcionar melhor ok?

  1. Bressan52    MARCO ANTONIO OLIVEIRA

Marco, depende qual o parâmetro que você considera como melhor. No meu caso, para o CONSUMO da M800 e M1500, o resultado da pódium foi bem pior que a comum. Média de 17,5 caiu para 15 km/l, aproximadamente.

  1. MARCO ANTONIO OLIVEIRA

Tenho moto a 35 anos e já fiz varias experiencias, para mim a melhor é a Pódium.
A outra saida é retirar o alcool da gasolina é meio trabalhoso mais fica muito bom.

  1. GASPAR

NOSSA VC É O CARA....ADOREI SUAS EXPLICÕES VALEUUU!!!!!!!! IRMÃO!!!!!!!!!DE MAIS SUAS DICAS!!!!!!!!!VALEU 8) :-) :eek: :P :sigh:

  1. Mad Max

Bressan, meu Irmão. a taxa de compressão de 9,2:1 da Twin Cam 96cc então não traz vantagem com a Podium? Ou podemos "arredondar" os 9,2 pra 10?
Se a resposta for NÃO, então a V-Power da Shell que é a mais indicada, certo?

  1. Humberto Hepp    Mad Max

A taxa de compressão de 9,2 do Twin Cam, pode se beneficiar eu acredito, do uso de podium sim. Nas situações onde se usa filtro de ar e ou escape menos restritivo, sem enriquecedor de mistura ou remapeamento, pois elas trabalham originalmente com mistura muito pobre e portanto muito quente. Como são refrigeradas a ar (com suas vantagens e desvantagens) esquentam muito e o calor excessivo pode ser causa de pré-detonação. Como estes upgrades podem empobrecer mais ainda a mistura, pois passa mais ar e injeta o mesmo combustível, a gasolina podium pode ajudar até que você faça o mapeamento adequado! Para originais eu iria de aditivada normal e não comum pois o manual de algumas HD dia gasolina comum, mas é tradução (má tradução) de gasolina comum no manual norte americano. Lembrando que toda gasolina do tio Sam é aditivada, logo nossas HD podem usar gasolina aditivada normal sem problemas. Gasolina comum a longo prazo pode ter problemas. Gasolina premium para quem não mapeou a injeção e fez upgrades Ok❓❓❓

Seja o primeiro a comentar este artigo.
Carregar Mais

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

Conteúdo relacionado - Dicas para viagens de moto