Quantas vezes você, ilustre leitor e motociclista, já pensou ou já ouviu de amigos "explicações" para não empreender uma longa viagem de motocicleta?

Os motociclistas experientes dizem que o momento mais apreensível de uma grande viagem de motocicleta é a partida, depois tudo é festa e complementam: o que mais frustra um motociclista de viagem é ver tolhido o sonho de realização.

RockRiders.com.br recebe diariamente dezenas de e-mails de motociclistas de tudo quanto é canto do Brasil. São mensagens das mais variadas, dentre elas, algumas com dúvidas e receios sobre longas moto viagens.

Inspirado nessas inúmeras mensagens, selecionei algumas "desculpas esfarrapadas" para não realizar uma grande motoviagem. Antes de mais nada, entendo como "grandes viagens de motocicleta", aquelas onde se cruzam vários estados, países ou continentes. Mas, você leitor e motociclista menos experiente, pode considerar uma "grande viagem" a sua primeira viagem de motocicleta, não importa para qual destino ou distância.

1) Eu não tenho tempo!

Ninguém tem tempo, o tempo não tem dono! Agora, se é um sonho seu realizar uma grande viagem de motocicleta, arrume tempo! Se organize, dê prioridades na sua vida e parta para sua motoviagem. Caso contrário será um motociclista frustrado.

2) Eu não tenho companhia!

E quem disse que é preciso companhia para você viajar de moto? Você sabe pilotar, tem a moto, tem os equipamentos necessários e tem a grana? Então parta amigo e tenha certeza que no trajeto você conhecerá inúmeras pessoas.

3) Estou sem grana!

Bom, ai você precisa economizar. Por exemplo, ao invés de comprar um capacete de R$ 2000, compre um de R$ 500. Se você tem o sonho de empreender uma longa motoviagem, vai conseguir o dinheiro necessário!

4) Não sei por onde começar?

Como é que é amigo? Comece acessando os sites http://maps.google.com.br ou http://www.ruta0.com e trace seu destino. Sem contar, com os inúmeros bons sites sobre viagens de moto, como esse que você está agora! Rotaway.com.br, Pisteiros.com.br, DiariodeMotocicleta.com.br, Viagemdemoto.com, PortalMotoAtacama.com.br...

5) Minha namorada (namorado), esposa (marido) não deixa!

Já pensou em trocar de namorada (namorado) ou de esposa (marido)? Bom, essa não é a melhor solução? Então, chame seu par para uma conversa séria. Diga a ela (ele): amor é o seguinte... eu preciso realizar esse sonho, quero muito isso, faz um tempão que penso sobre isso. Por favor amor, deixa vai! Prometo que te trarei um presente especial da viagem (nem que seja uma foto de uma paisagem linda... ai você entrega ao seu par e diz: amor, quando tirei essa foto estava pensando em você e morrendo de saudade...). Ou quem sabe você consegue convencer a pessoa amada de ir junto com você?

6) Estou muito fora de forma!

Mas e a sua moto, está ok, revisões em dia, pneus novos e tal? Então fique tranqüilo(a), você vai ver tantas paisagens e viver tantos momentos incríveis em sua motoviagem, que vai entrar em forma durante sua realização!

7) Preciso da moto ideal?

Como assim moto ideal? A moto ideal é a que você tem na sua garagem! Aqui no RockRiders.com.br tem entrevista com motociclista que com uma moto da marca Traxx (chinesa) de 110cc, fez uma viagem de Teresópolis/RJ até o Alasca e de lá voltou para sua cidade.

8) Acho tudo muito perigoso.

Se você pilotar com responsabilidade, concentração, utilizar os equipamentos de segurança necessários e estiver com a moto em dia, empreender uma longa viagem é tão perigoso quanto você atravessar a rua para ir a padaria comprar pão. O amanhã ao Criador pertence amigo.

9) Tenho preguiça!

Ah... entendi! Eu também tenho amigo(a), todo mundo tem. Uns mais outros menos. Agora, preguiça para realizar uma grande viagem de motocicleta??? Nesse caso é preciso que você busque ajuda de um terapeuta.

10) Vou esperar mais um pouco, acho que o momento certo não é agora!

O momento certo amigo(a) é aquele que o seu coração diz: quero muito viajar de moto, ir para um lugar distante, desconhecido por mim, fazer amizade com o céu, com a natureza, com as pessoas que irei conhecer no caminho. Puxa vida... como quero, isso me fará um bem danado. O momento certo é esse amigo(a). Viva o agora!

Boa motoviagem!!

"Me diverti redigindo esse texto, espero que você, ao ler tenha feito o mesmo! E lembre-se: viajar de moto, antes de qualquer coisa, é prazer, emoção e diversão. Forte MotoAbraço".

"A vida sem a realização de sonhos é como um pássaro com as asas quebradas"

Fonte: Texto por Policarpo Jr
RockRiders.com.br

Comentários (26)

  1. Celso Teixeira

Muito bom o texto.
Em 2007, comprei uma kasinski 150 flash, para uma motoviagem, não tinha conseguido superar as desculpas, até que em fevereiro/13, fui de Encruzilhada do Sul/RS a Montevidéo e voltei.
1.800 km em 4 dias, foi tudo de bom.
Já estou a programar a próxima para outubro ou novembro.
Abraço.

  1. Isaias Prado

Estou preste a comprar minha moto e já estou traçando planos para viajar Rj X Ce numa Bros 150, esse texto foi bastante motivador

  1. João Manoel Anderson

Foi através destas desculpas esfarrapadas de amigos que eu arrumei 10 boas respostas e comecei as minhas grandes viagens, em 2008, viagem pela America do Sul com uma XT 660, leia Google, e em 2012, com mais coragem, já mais lapidado a segunda grande empreitada "ao redor da América do Sul com umaTenere 250" leia no Motoviagem , pretendo para 2015 fazer a três Américas.
João Manoel - Florianópolis/SC

  1. Lucimari

Boa Tarde,
Estou louca para fazer uma viagem dessas do RS até SP, o meu problema é a questão da moto quero comprar uma HD heritage softail classic, mas o que me incomoda um pouco é saber que ela pesa aproximadamente 320 quilos e tenho receio de não "dar conta do peso", com a sua experiência vc acha que eu com 56 quilos e 1,65 de altura consigo me virar?
Estou em dúvida......eu quero mesmo é comprar essa moto....

  1. silvio

cara, tô indo agora...valeu?

  1. Silvio Rocha

to planejando uma motoviagem longa solo 1400 km ida e volta isso era tudo que eu precisava ouvir,alguns dizem pra eu nao ir,mas meu coraçao que pede para que eu faça isso,belo artigo obrigado...

  1. Renato maciel

È cara estou nesse dilema .
Tudo que voce escreveu tem haver comigo foi muito bom para eu repensar meus conceitos.
Valeu.um abraço

  1. Fernando Lopes

Cara, adorei o texto .. simples, pratico e engraçado!
essas são seeempre as desculpas.. nunca fiz viagens longas, maximo de 300km .. porém a sensação de liberdade é a mesma!
um forte abraço!

  1. Rômulo Provetti

Beleza, Policarpo. Estou acompanhando sua viagem.
Grande abraço, obrigado por compartilhar este texto e boa viagem

  1. Policarpo Jr

Fico feliz de ver meu texto publicado nesse site e mais ainda, ao ler os comentarios de voces. Estou em motoviagem rumo ao Alasca, escrevendo aqui de Bariloche/AR. Acompanhe o diário em www.rockriders.com.br Abração a todos e bora pra estrada!!

  1. Celio

J Paulo,
eu estive tambem no encontro de Rio das Flores no sabado, foi show. Fui sozinho e lá fiz grandes amizades, valeu.

  1. Celio

Comecei com uma 125, passei pra uma 150 e agora estou com uma Fazer 250. Todas me proporcionaram um grander prazer em minhas viagens. Se tem estrada eu quero viajar e nunca me importei com cc. Abraço.

  1. Rômulo Provetti

J.Paulo, o mais comum é isto mesmo. Estas situações fazem com que as viagens que não desistimos sejam melhores ainda.
Abraços

  1. j.paulo d.de caxias rj

amigo estas desculpas aconteceu comigo semana passada...convidei três amigos do trabalho para conhecer uma cidade do interior de nome Rio das Flores RJ só que convidei eles com duas semanas antes ai começou as desculpas o primeiro disse que iria trablhar fim de semana......o segundo disse que iria colocar uma caixa dàgua e coisa e tal ...o terceiro desistiu porque os dois tinham desistido....moral da historia fui eu e minha esposa e curtimos muito....lá o encontro de motociclista cada ano melhora...se vcs não conhece é bom conhecer.....um forte motoabraço...

  1. Alfredo

Rômulo, será ótimo visitá-los tb aí em MG. Aquele nosso passeio até S.Tomé, encontrando-o em Três Corações, foi uma delicia, meu passeio mais distante até hoje!
Mas ainda irei até BH, me aguarde!
Abs.

  1. Rômulo Provetti

E os de Minas, Alfredo???

  1. Alfredo

Obs.: Saindo de SP-Capital.

  1. Alfredo

O texto é ótimo, já usei mais de uma das desculpas esfarrapadas mencionadas! rssss
Aliás, outro dia mesmo o Zan me falou pessoalmente sobre isso.
Mas já começo a mudar!
Programo para breve, mesmo que não tenha companhia, uma visita a um amigo nosso de Curitiba e também uma ida a Brasília.
Abraços,
Alfredo

  1. Antonio Bernardo Chaves

Foi muito feliz nos comentários. É isso aí, para tudo tem uma solução, basta querer.
Abraços,
Bernardo - MC Águias do Litoral

  1. Anônimo

a mais pura verdade

  1. Rômulo Provetti

É verdade, Sil. Aqui recebemos muitas mensagens de pessoas que têm vontade de viajar, mas as dificuldades que relatam estão nelas.
Abraços

  1. Sil

Hahahaha! Realmente foi divertido ler e atravéz do seu texto constatar a dificuldade que as pessoas têm de assumirem muitas vezes que não desejam de verdade realizar alguma coisa!
Eu não posso falar muito porque estou proibida por ordens médicas de pilotar (fiz uma grande cirurgia a pouco)e te digo eu estou me sentindo exatamente como você mencionou :- um pássaro com asas quebradas ...
Um moto abraço prá você também!

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.