Amigos, parceiros, credores e cobradores, sinto informa-los que estou iniciando mais uma etapa do projeto "Torrando a herança dos filhos".

Neste momento, como diria o nosso queridíssimo e jamais suficientemente incensado Apedeuta, estamos nos preparando para cruzar o Atlântico rumo à terra de Marlboro. Dentro de algumas horas estaremos em Charlottesville (Virginia) onde eu e meu amigo Cyro mostraremos aos gringos como dois septuagenários conseguem se equilibrar em cima de um triangulo apoiado em um dos vértices (é mais ou menos como me sinto em cima de uma moto).

Lógicamente isso não vai acontecer logo de cara, primeiro temos um baita trabalho de casa para fazer mas, acreditem, vocês também iriam adorar nos ajudar na tarefa.

Indo direto ao ponto e sem fazer segredo, o trabalho que temos de realizar, antes de sair pelas estradas maravilhosas da Gringolandia, é fazer uma revisão em grande estilo de uma Honda Goldwing Aspencade 1984 e voar até Detroit para pegar outra Honda Goldwing Interstate 1986.

Como essas naves intergalácticas apareceram na história ? Fácil, o locutor que vos fala sonhou com elas quando por ocasião da Ablação/Badalação, lembram ? Sai do sono anestésico, comecei a fazer contas e cheguei a conclusão que se fosse alugar uma HD por mais de duas semanas sairia mais barato comprar uma moto velhinha (não tanto quanto eu, lógico) e na hora de voltar à república do bananão jogar a criatura Cannyon abaixo em grande estilo. Conversando com o Cyro resolvemos comprar duas motos. As HD ficaram logo fora de cogitação, dado o seu preço, no entanto queríamos motos semelhantes às nossas tourings. Meus caros, estava difícil mas encontramos as motos. Uma delas nos remete de imediato ao grande amigo e cafeicultor (produtor do famoso Café Jacu Dourado) Pedrão Midas, a danada é DOURADA, e pertencia a um senhor com 94 anos de idade. Como ele estava mais surdo do que eu os filhos resolveram vender aS motoS do velho. Tudo bem, o cara é quase centenário mas tem classe. Observem só as fotos do sacana do velho.

A outra, uma 1986 negra como o bigode da múmia do Maranhão, está em Detroit e teremos que busca-la. O planejamento está da seguinte forma (se não mudar mais): chegaremos à Charlottesville na 3ª.feira, descansamos e na 4ª. terá início a revisão da Sabrina. Aqui abriremos um parênteses: fiquei olhando horas para as fotos da moto e o que me chamava a atenção era o volume da traseira da moto, pensei um pouco e cheguei a conclusão que a única japonesa de bunda grande que conheço é a Sabrina Sato, o batismo foi imediato, fecha parênteses. Na 5ª. ou 6ª., a depender do resultado da revisão, começamos a rodar com a moto pelas proximidades. No sábado embarco para Detroit, levando documentos e a placa debaixo do braço, e trago a moto para Charlottesville (cerca de 900 Km) via Front Royal onde o Cyro vai me aguardar com a Sabrina para voltarmos juntos pela Skyline Drive, uma maravilhosa estrada cheia de curvas que atravessa o Shenandoah National Park.

É meus amigos, torçam pela gente pois o sacana do horizonte teima em se afastar cada vez mais porém não entregamos os pontos: "quem tem medo de cara feia não amarra porongo nos tentos" (Rodrigo Severo Cambará)

Relato de Viagem de Moto

Comentários (18)

  1. Luiz Afonso Cestari

PARABÉNS AMIGOS. Morro de inveja ( boa é claro ) dos dois amigos. Algum dia quero fazer uma viagem destas, mas como ainda não tenho idade suficiente ( só 64 ) continuo aguardando minha maioridade. Até lá vou lendo as aventuras de vocês. GRANDE ABRAÇO E EXELENTES GEROAVENTURAS.

  1. Carlos Alberto

Parabéns pela iniciativa de adquirir as duas motos e realizarem o sonho com sucesso.

  1. João Bosco

Meus caros, por conta destes belso relatos, comprei uma Gold Wing ano 2000. Tão grande, como minha insegurança em pilotá-la. Fico realmente admirado com a coragem, audácia e competência em realizar este projeto. Continuem assim e me chamem em outros projetos. Abração João Bosco

  1. Marcelo Borges

O velho Gringo, não é bobo nada. Ele tá montado numa Kawasaki Nomad 1500. Tenho uma e é um show!

  1. OSVALDO GUIMARAES

e bom encontra amigo a sim como vc dois muita saúde abç emuitos km

  1. Carioca

Estive pilotando por aí em 2010, com direito a percorrer a 129. 318 curvas em 11 milhas e fotinho no Deals Gap.

  1. Iseckson B Freitas

Parabéns pelo belo exemplo, porém de se ressaltar que: "Ser motocislista é coisa que vem no sangue, genético, ninghém vira motociclista, já nasce" Bucaneiro

  1. Paulo C.Barone

É como voces disseram,motociclismo é um estado de espírito.Graças a Deus estou nesse estado.Desejo a voces muita saude para desfrutar muitos Kms.pela frente.Paulo Barone São Simão SP.

  1. Helio R. Silva Gato Cansado

Meus irmãos motociclistas (e não é preciso ter moto para ser. Na realidade é um estado de espírito), em meu nome e em nome do Cyro agradecemos emocionados os comentários de voces. Muitíssimo obrigado por nos acompanharem nessa aventura e por se darem ao trabalho de emitir suas opiniões. Guardamos os nomes de todos voces bem como clubes a que pertençam pois será um enorme prazer conhece-los pessoalmente e dividirmos nossas respectivas aventuras. Grande abraço,

  1. Barbosa

Caraca véio !!! muito legal, bom humor, e criatividade !!

  1. BILL

PARABENIZO POR ESTA LINDA VIAGEM QUE REALIZARAM NAS TERRAS DO TIO SAM, E PELAS PALAVRAS QUE SÃO ACRÉSCIMO AO NOSSO CONHECIMENTO DE MOTO TURISMO!!! FICANDO COM MAIS VONTADE DE UM DIA PODER DESFRUTAR DESTA MARAVILHOSA VIAGEM QUE OS IRMÃOS DESFRUTARAM. SE DEUS PERMITIR, UM DIA GOSTARIA DE TER A SATISFAÇÃO DE CONHECE-LOS!!! FRATERNO ABRAÇO... BILL - PRESIDENTE LENDÁRIOS ESTRADEIROS MOTO CLUBE BLOG: www,lendarioestradeiro.blogspot.com

  1. Ant

Conheço a região e tenho uma moto em Marietta" GÁ! Helen é um show parecida com Gramado RS. Vou para usa em 15 dias e cruzarei deGA até a Califórnia onde com outros amigos vamos para o Alaska, com nossos GW.abs Chedid

  1. Antônio c. F. Chedid

Caro companheiros do asfalto, Parabéns mesmo pelo realização de um sonho. Fiz minha grande viagem de Florianópolis ao Canadá em 2005. Tenho uma moto igual, GW! Nos usa e vijo muito todos os anos, melhor, de ree em três meses. Conheço. Helena e o caminho taildragon. Vou novamente dentro DD 15 dias para cruzar de Marietta - gás até a Califórnia onde pego uns amigos e vamos até o Alasca. Boa viagem e parabéns . Chedid . http://viagens.chedid.adv.br

  1. Otaviano

Aos amigos da estrada, desejo que aproveitem bem esse passeio, pelas fotos da estrada acima, vai ser um passeio e tanto. Se um dia passarem por P. Alegre RS, estamos a disposição, moro em Esteio região metropolitana de POA. Um abraço pra vocês.

  1. Fabio DOlne Lago / Cabo Frio/RJ

Gente, Acho que o sacana do véio armou simulando a venda da Honda para montar numa Harley. Ou é uma Boulevard? De qualquer forma preparem-se: se em algum momento virem uma seta no retrovisor é o véio pedindo passagem. Parabéns e sucesso

  1. Helio R. Silva Gato Cansado

Grande Fernando, faz parte da vida termos esse saudável tipo de ciumes, afinal é o que nos leva a trilhar caminhos desbravados por tantos outros que nos antecederam. Quanto à Rota 66, ela tem seu próprio glamour e até mesmo uma trilha sonora (essa é do meu tempo) mas caso não tivesse era só colocar os ensinamentos do Capitão Rodrigo Severo Cambará em práticaÇ "-Quem tem medo de cara feia não amarra porongo nos tentos !"

  1. fernando luiz olivieira

Caros, confesso um pouco (muito) de ciume....mas estarei fazendo Rota 66 em 2013, claro que sem glamour do percurso dos amigos. Parabens pelo relato....maravilhoso Aqui Porto Alegre estamos as ordens, quando chegarempor aqui...nos procurem

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.