Como marcamos para sair às 11 horas, Vitor iria contratar um táxi para fazer o percurso até Santa Elena de Uairen, onde nos alcançaria, pois a travessia das motos pela fronteira somente poderia ser feita até às 17 horas.

Ainda assim, houve atraso na saída e partimos do hotel após às 12 horas e, no entorno de Boa Vista, a moto do Márcio teve uma pane. Era uma BMW GS 1200, ano 2014, e o problema somente poderia ser solucionado em uma autorizada. Então ela foi deixada no local para busca pela BMW, já que ainda estava na garantia da fábrica. Com esse atraso, Vitor já havia desembarcado e pegou o Tagino, que seguiu também no táxi.

Iniciamos finalmente nossa viagem de moto pela BR-174, que é uma rodovia longitudinal que interliga os estados brasileiros de Roraima e Amazonas à Venezuela, num total de 974 km. Tem como extremos Manaus e Pacaraima e é a única ligação de Roraima com o resto do país.

Como o tempo já havia encurtado bastante e a estrada era muito boa, estávamos desenvolvendo muito bem com perspectivas de fazer os trâmites rápidos na fronteira. Porém, senti repentinamente um balanço muito grande na moto e tive dificuldades em reduzir a velocidade, quase caindo. O pneu esvaziou rapidamente, o bico da câmara de ar tinha soltado. O grupo já havia se adiantado e logo chegava a caminhonete de apoio. Tentamos encher o pneu para seguir até um vilarejo próximo, sem sucesso, então colocamos a moto sobre a caminhonete para chegar a tempo.

A história se repete. As fotos abaixo foram tiradas em 2014, quando tive um pneu furado na Bolívia.

Para viajar de moto pela Venezuela o motociclista deve portar RG ou passaporte, dentro da validade. Ainda do lado brasileiro, é preciso registrar a saída do país. Depois, no lado venezuelano, registrar a entrada sua e da moto. As fronteiras funcionam oficialmente das 8h às 17h.

Viagem de moto até a Venezuela

Deve portar, ainda, o Certificado de Registro e Licenciamento da moto e contratar um despachante do Detran em Pacaraima para emissão do Certificado de DETRAN para transitar em Venezuela, 0 seguro Póliza de seguro de responsabilidade civil del automóvil. Pode ser contratado pelo site: www.estrellaturismo.com.

Após a emissão do Certificado do Detran, verificar se todos os dados estão corretos. Nessa região e por toda a Venezuela, os serviços prestados são precários. Das oito motos que iriam atravessar a fronteira, foram trocados os dados de sete condutores. Como não conseguimos regularizar a entrada no país neste dia, seguimos até nossa Pousada em Santa Elena, que fica a 10 km de Pacaraíma, e retornamos no dia seguinte para a emissão da Autorizacion Vehicular, documento necessário para transitar pelo país.

Viagem de moto até a Venezuela

Comentários (2)

  1. PAULO GOMIDE

Pisnard, ano passado fizemos o roteiro pelo Peru/Bolivia/Chile e Argentina e em virtude das cheias nos Rios que cercam o Acre, enviamos de caminhão até Rio Branco(na logística teve que atravessar dois rios em balsa e o último trecho em prancha sobre caminhão), contratados junto à Tagino Adventure. Esse ano ele nos convidou para fazer esse roteiro e fez preço excepcional locando suas motos pegando em Boa Vista e entregando em Manaus. Foram 6 BMW, sendo duas 1200GS e quatro 800GS, além de 3 Transalp.

  1. Paulo

Parabéns pela viagem,como envairam as motos do RJ para RR ?

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.